Home Esportes Hamilton assume culpa de batida no Catar, após acusar colega; veja colisão

Hamilton assume culpa de batida no Catar, após acusar colega; veja colisão

O piloto acusou seu companheiro de equipe, George Russell, de causar sua eliminação após uma colisão na primeira curva da primeira volta

por Gustavo Kahil
0 comentário

O piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, assumiu a culpa de um incidente que causou a sua eliminação da etapa do Catar da Fórmula 1, neste domingo (8).

Hamilton acusou seu companheiro de equipe, George Russell, de causar sua eliminação após uma colisão na primeira curva da primeira volta.

Russell continuou na corrida após fazer uma parada nos boxes, mas o carro de Hamilton acabou na brita sem a roda traseira.

“Fui eliminado pelo meu próprio companheiro de equipe”, disse o heptacampeão de Fórmula 1 pelo rádio.

“Assisti ao replay e foi 100% culpa minha e assumo total responsabilidade. Desculpas à minha equipe e ao George”, disse ele em sua conta no X.

Em um vídeo publicado na conta de Russel, os pilotos aparecem dando um abraço.

“Sem ressentimentos. Estamos aqui para lutar e maximizar pela equipe. Avaliamos mal hoje, mas nosso carro estava excepcionalmente forte e estou orgulhoso de toda a equipe. É hora de se reagrupar e continuar construindo o ritmo forte em Austin”, afirmou.

Pneus

Antes da largada, Hamilton havia reclamado que largar com pneus macios o tornaria vulnerável aos outros pilotos, mas não teve a oportunidade de testar os pneus.

Ele tentou ultrapassar Russell pelo lado de fora, mas a roda traseira direita de Hamilton tocou na dianteira esquerda do carro de Russell, resultando em um giro para ambos.

“Sinto muito, pessoal. Eu nem estava olhando para trás”, disse Russell. “Eu estava focado na prova e ele veio do nada”, acrescentou.

“Sem palavras, sinceramente”, disse ele mais tarde. “Acabei de ver os replays na tela da TV. Não pude fazer nada. Fiquei totalmente encurralado.”

O chefe da equipe, Toto Wolff, que não estava presente no Catar devido a uma recente cirurgia no joelho, apareceu pelo rádio para pedir a Russell que se concentrasse na corrida.

Russell havia largado em segundo no grid, com Hamilton em terceiro, e parecia que ele aumentaria a diferença de 26 pontos entre eles e a terceira colocada Ferrari na classificação de construtores.

No entanto, a Ferrari já havia perdido Carlos Sainz antes da largada devido a um problema no sistema de combustível.

Dinheirama

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.