Home Mercados Ibovespa: veja os 10 destaques desta quinta; Petrobras sobe 2%

Ibovespa: veja os 10 destaques desta quinta; Petrobras sobe 2%

Por volta de 11:05 , o Ibovespa subia 0,91%, a 121.353,31 pontos

por Reuters
3 min leitura

O Ibovespa (IBOV) avançava nesta quinta-feira, após o Banco Central manter a Selic em 10,50% na véspera, em decisão unânime, que traz algum alívio às preocupações no mercado quanto à condução da política monetária no país.

Por volta de 11:05 , o Ibovespa subia 0,91%, a 121.353,31 pontos. O índice Small Caps tinha alta de 1,34%. O volume financeiro somava 4,2 bilhões de reais.

O Comitê de Política Monetária (Copom) do BC decidiu na véspera interromper o ciclo de afrouxamento monetário iniciado em agosto do ano passado, dando destaque à piora das expectativas de inflação.

Também afirmou que a política monetária deve se manter contracionista por tempo suficiente em patamar que consolide não apenas o processo de desinflação, como também a ancoragem das expectativas em torno de suas metas.

De acordo com o gestor de renda variável Tiago Cunha, da Ace Capital, a bolsa reage ao movimento de alívio originado na decisão do Copom.

“Mais do que o movimento na Selic, pesa a decisão unânime da diretoria, que aliviou um pouco as preocupações sobre uma eventual influência política na decisão de parte do comitê”, acrescentou.

De acordo com alguns profissionais do mercado, declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na terça-feira, voltando a criticar atuação do titular do BC, Roberto Campos Neto, adicionaram um componente político à reunião.

Ainda na quarta-feira, o Ibovespa já tinha mostrado melhora na parte final do pregão, renovando máximas, em uma sessão de liquidez bastante reduzida em razão do feriado nos Estados Unidos.

Para o analista econômico Lucas Farina, da Genial Investimentos, a decisão unânime do Copom contribui para aliviar a pressão sobre os ativos, mas ele destacou que a dúvida sobre a sucessão da presidência do BC continuará a alimentar incertezas.

No exterior, Wall Street retornava do feriado com os principais índices acionários no azul, mas alta nos rendimentos dos títulos de 10 anos do Tesouro norte-americano, a 4,2769%, de 4,217% na véspera.

Destaques

Petrobras (PETR4) avançava 2,39%, em dia de alta do petróleo no exterior e pagamento de dividendo pela estatal. Agentes financeiros também repercutiam declarações da nova CEO da companhia em sua posse na véspera, bem como do presidente Lula, que defendeu que a empresa amplie os investimentos para ser uma indutora do desenvolvimento nacional, mas que ninguém quer que os acionistas tenham prejuízo.

Marfrig (MRFG3) valorizava-se 2,94%, mantendo o tom positivo recente, tendo como pano de fundo declaração do Ministério do Comércio chinês nesta quinta-feira de que o país pode impor medidas antidumping provisórias sobre as importações de carne suína da União Europeia como parte de uma investigação de um ano que começou em 17 de junho. BRF (BRFS3), que tem a Marfrig como sua principal acionista, ganhava 1,8%.

CSN (CSNA3) mostrava acréscimo de 2,82%, retornando à coluna positiva após ajustes na véspera, em sessão benigna ao setor como um todo, com Usiminas (USIM5) em alta de 2,32% e Gerdau (GGBR4) subindo 1,63%.

Azul (AZUL4) avançava 1,99%, experimentando uma recuperação após seis quedas seguidas endossada pelo alívio na curva de DI, que apoiava ações sensíveis a juros. O índice do setor de consumo da B3, que inclui os papéis da companhia aérea, além de nomes de varejo, educação, alimentos, entre outros, subia 0,94%. No mesmo contexto, o índice do setor imobiliário registrava elevação de 1,57%.

Vale (VALE3) valorizava-se 0,66%, descolada da fraqueza dos futuros do minério de ferro na China, onde o contrato mais negociado na Dalian Commodity Exchange encerrou as negociações diárias com queda de 0,36%, a 824,5 iuanes (113,56 dólares) a tonelada. A mineradora também estimou nesta quinta-feira aumento da produção de cobre e níquel em 2026 em relação ao estimado anteriormente após revisão de ativos.

Itaú Unibanco (ITUB4) subia 0,4% e Bradesco (BBDC4) apurava acréscimo de 0,64%, acompanhando o clima mais favorável na bolsa como um todo.

Dinheirama

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.