Ao pensar em bolsa de valores, um filtro fundamentalista de boas empresas é importante. Isso irá identificar estas importantes características:

  • Empresas de alta liquidez;
  • Empresas com lucros constantes;
  • Empresas com baixa alavancagem; e
  • Empresas com cenário estável.

Para escolher o melhor timing (momento de comprar e de vender), uma análise técnica é muito importante.

A queda das ações que aconteceu no início do ano, e a alta pré-impeachment, foram duas excelentes oportunidades. Conseguimos tirar bom proveito das duas aqui na Rico. O público do programa Ponto a Ponto (clique e conheça) acompanhou, e lucrou.

Entenda a importância dos retângulos

Formações gráficas repetitivas, simples e extremamente eficientes foram utilizadas. Um bom exemplo são as chamadas áreas de congestão (ou retângulos). O rompimento dessas áreas sinaliza a direção que o ativo (ação) pretende seguir.

O retângulo é uma formação muito interessante. Ele simboliza uma área de equilíbrio na briga entre compradores e vendedores.

Comporta-se de maneira similar a um movimento de “empurra-empurra” em uma luta de sumô. Após um momento de luta equilibrada, ocorre a vitória de um dos lutadores, que joga seu oponente para fora dessa área de equilíbrio.

Veja esta figura, que representa um rompimento, no caso, para cima (tendência de alta no valor da ação):

dinheirama-oportunidade-bolsa-01-0

Alguns exemplos reais de rompimento dos retângulos

Um ótimo exemplo ocorreu em 2012 quando a ação da Suzano reverteu forte queda. Primeiro houve a formação de retângulo, e depois ocorreu a “quebra” para cima.

Veja o caso de Suzano, em 2012:

dinheirama-oportunidade-bolsa-01-1

Utilizei o “retângulo” para justificar as compras de ações do Bradesco e outros papéis em formações semelhantes, no início deste ano. Este período antecedeu a votação do impeachment.

Vídeo recomendado: Por dentro da Bolsa de Valores #1

Veja estes exemplos de Petrobrás e Bradesco, para fixar este conceito dos retângulos, onde recomendei compra no início deste ano com apenas tal formação:

dinheirama-oportunidade-bolsa-01-2

dinheirama-oportunidade-bolsa-01-3

As ações do Banco do Brasil (BBAS3) tiveram alta de 70% em apenas três semanas! O timing de compra foi indicado pelo rompimento (para cima) da formação de retângulo. Veja:

dinheirama-oportunidade-bolsa-01-4

A formação de retângulo tem vários sinônimos, como box, range, congestão, mercado lateral, faixas de negociação entre outros.

O nome é o que menos importa em uma formação tão simples e lucrativa. Um ponto a destacar é que devemos procurar retângulos com pequena amplitude. Eles são mais confiáveis, pois rompem sem os chamados movimentos “esticados”, que podem dar falsos sinais.

Aprenda mais em nossa sala ao vivo!

No próximo artigo continuarei com exemplos reais e recentes de operações recomendadas em nossa sala ao vivo do Ponto a Ponto.

Para nos acompanhar durante o pregão da bolsa, basta clicar aqui e abrir sua conta na Rico.com.vc gratuitamente. Participe e aprenda mais, ao vivo! Abraços!

Nota: Esta coluna é mantida pela Rico.com.vc, que contribui para que os leitores do Dinheirama possam ter acesso a conteúdo gratuito de qualidade.

Leandro Martins
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários