Home Economia e Política Inadimplência atinge microempreendedores

Inadimplência atinge microempreendedores

por Igor Oliveira
3 min leitura

Inadimpl√™ncia atinge microempreendedores postCerca de 52% dos Microempreendedores Individuais (MEIs) tem os pagamentos de tributos √† Receita Federal em atraso, segundo estat√≠sticas oficiais divulgadas recentemente. Hoje no Brasil h√° em torno de 3 milh√Ķes de MEIs.

Em 2009 entrou em vigor o registro jur√≠dico do MEI para incentivar o cadastramento de profissionais aut√īnomos que tem receita anual de at√© R$ 60 mil.

O que é um MEI?

O Microempreendedor individual é uma categoria empresarial criada em 2008 e que tem como objetivo legalizar quem atua na informalidade e por conta própria. Alguns dos benefícios são: a posse de CNPJ, cobertura previdenciária e acesso ao crédito.

Para se tornar um MEI, √© necess√°rio fazer o cadastro no site www.portaldoempreendedor.gov.br ‚Äď para participar do programa o empreendedor deve ter receita de at√© R$ 60 mil por ano. A tributa√ß√£o gira em torno de R$ 40 por m√™s e √© gerada atrav√©s de uma guia online.

Com a formaliza√ß√£o, o profissional tem direito √† cobertura previdenci√°ria. No entanto, ap√≥s um ano de¬†inadimpl√™ncia eles perdem o benef√≠cio ‚Äď atualmente, a previd√™ncia social n√£o sabe informar ao certo quantos dos MEIs com tributos atrasados est√£o sem cobertura.

De acordo com o diretor-presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto, a inadimpl√™ncia se deve principalmente a quest√Ķes culturais e √† falta de informa√ß√£o. “Os cerca de 1,5 milh√£o de empreendedores que pagam o imposto em dia geram uma arrecada√ß√£o de R$ 60 milh√Ķes por m√™s“, diz Barretto.

Percentual de MEIs entre novas empresas

Preocupação

Segundo Valdir Pietrobom, presidente da Fenacon (Federa√ß√£o Nacional das Empresas de Servi√ßos Cont√°beis), desde a cria√ß√£o do MEI, o foco maior foi aumentar o patamar de formaliza√ß√£o. “Agora chegou a hora de uma propaganda mostrando que, se n√£o estiver em dia, a pessoa perde os benef√≠cios“, diz ele.

De acordo com Guilherme Afif Domingos, ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, uma das formas de combater a inadimpl√™ncia seria a cria√ß√£o de carn√™s de pagamento para o ano inteiro. Ele afirma que”existe uma cultura forte do carn√™. Em redes de varejo que o utilizam, a inadimpl√™ncia √© muito baixa‚ÄĚ.

O fato √© que a inadimpl√™ncia √© um dos grandes desafios dos brasileiros, seja como consumidores ou como empres√°rios. √Č importante lidar com o cr√©dito e o consumo de forma inteligente e planejada para evitar situa√ß√Ķes como as mostradas nos dados deste artigo.

Fonte: FOLHA. Foto de freedigitalphotos.net.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.