Home Economia e Política Indicador antecedente de emprego tem em abril nível mais alto em 1 ano e meio, mostra FGV

Indicador antecedente de emprego tem em abril nível mais alto em 1 ano e meio, mostra FGV

O IAEmp, que antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil, avançou 0,7 ponto em abril, para 80,2 pontos, maior nível desde setembro de 2022 (83,8 pontos)

por Reuters
0 comentário

O Indicador Antecedente de Emprego do Brasil subiu em abril e atingiu o maior nível em um ano e meio, mostrando um cenário positivo para o mercado de trabalho, de acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

O IAEmp, que antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil, avançou 0,7 ponto em abril, para 80,2 pontos, maior nível desde setembro de 2022 (83,8 pontos).

“A melhora nas previsões da economia brasileira para o ano de 2024 pode estar influenciado as decisões dos empresários e sugerindo um cenário positivo para o mercado de trabalho nessa primeira metade do ano “, disse em nota Rodolpho Tobler, economista da FGV Ibre.

“Ainda é preciso cautela pelo patamar baixo do indicador, retornando para o nível de 2022, e pela recente alta da incerteza, que pode ser um obstáculo para a continuidade dessa retomada do indicador”, completou.

Os componentes do IAEmp mostram que quatro dos sete componentes contribuíram para alta em abril. Os destaques positivos foram Tendência dos Negócios da Indústria, que contribuiu com 0,9 ponto, e o indicador de Emprego Previsto de Serviços, com 0,5 ponto.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.