A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou setembro com alta de 0,08%, ante uma variação de 0,44% em agosto, informou nesta sexta-feira (7) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A taxa de variação é a menor desde julho de 2014. O IPCA de setembro também é o mais baixo para o mês desde 1998.

A taxa acumulada no ano foi de 5,51%. Em 12 meses, o resultado ficou em 8,48%, ainda muito acima do teto da meta estipulada pelo governo de 6,5%.

Em comparação com agosto, dos nove grupos de produtos e serviços que compõem o índice, alimentos foi o que apresentou a maior queda em setembro (-0,29%). Grande parte dos itens pesquisados mostrou redução na taxa de crescimento ou queda nos preços de um mês para o outro.

Os preços do leite, que subiam sistematicamente desde o início do ano, caíram 7,89%. Entre os alimentos em alta, o destaque ficou com o item carnes que teve aumento de 1,43%

Apenas três grupos mostraram aceleração na taxa de crescimento de preços em setembro: habitação (de 0,30% em agosto para 0,63% em setembro), vestuário (de 0,15% para 0,43%) e comunicação (de -0,02% para 0,18%).

Leitura recomendada: O casamento dos seus sonhos

Propostas para reforma da Previdência avançam

A proposta de reforma previdenciária apresentada por uma equipe técnica, nesta quinta-feira (6), ao presidente Michel Temer, prevê a criação de uma Lei de Responsabilidade Previdenciária com o mesmo objetivo da Lei de Responsabilidade Fiscal e que também valerá para Estados e municípios.

Essa lei, que será regulamentada depois da PEC (Proposta de Emenda à Constituição) da reforma, deve trazer regras para exigir maior governança em relação à previdência do funcionalismo.

O texto também vai incluir a permissão de que Estados e municípios possam aderir à Funpresp, o fundo de previdência do setor público federal, medida já anunciada.

O governo estuda ainda incluir na reforma, a autorização para que a previdência complementar de servidores seja administrada por um fundo privado, o que tiraria o monopólio da Funpresp.

A PEC que mudará a Previdência prevê idade mínima de 65 anos, e contribuição de pelo menos 25 anos como critérios para a aposentadoria. As regras valerão para mulheres que tenham menos de 45 anos e homens com menos de 50 anos. Para os mais velhos, haverá uma transição.

Com a proposta da equipe técnica em mãos, caberá a Temer fechar a versão final, de acordo com sua avaliação política. O presidente disse, durante a reunião, que a proposta está tecnicamente impecável. A preocupação dele é com a comunicação.

Receita disponibiliza 5º lote da restituição

A Receita Federal liberou às 9h desta sexta (7) a consulta ao quinto lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física de 2016.

Do total de contribuintes contemplados, 25.150 são idosos e 3.111 são deficientes físicos ou mentais ou portadores de alguma moléstia grave. Eles receberão R$ 111.469.566,87 e têm preferência no recebimento da restituição.

Para saber se a declaração foi liberada, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal ou ligar para o número 146. Inconsistências de dados ou outros problemas podem ser identificados no extrato da declaração disponível on-line.

Outra alternativa é o aplicativo da Receita, disponível para tablets e smartphones. O app possibilita a consulta às declarações do IR e a situação do CPF, e permite analisar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones, que facilita a consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele, será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF, e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível por um ano no banco. Se o resgate não for feito nesse prazo, o contribuinte deve solicitá-la pela internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF (Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física).

Mercado Financeiro

Os números do mercado de trabalho nos EUA surpreenderam a maioria dos analistas que não esperavam o aumento do desemprego. Esses números podem sinalizar que o FED não deverá elevar os juros tão rapidamente.

O Ibovespa, principal benchmark da Bolsa de Valores de São Paulo, operava às 11h41 em alta de +0,48% com 60.934 pontos. O dólar registrava queda de -0,09% sendo negociado por R$ 3,22.

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários