O inglês na sua escalada no mercado financeiroAs fontes mais ricas e confiáveis de informações na área econômica e financeira costumam ser os jornais americanos e britânicos, além dos relatórios elaborados pelos bancos desses dois países.

Dessa forma, se você lê fluentemente e está familiarizado com o vocabulário desses segmentos, a sua capacidade de coleta e organização de dados te dará uma vantagem significativa sobre seus concorrentes.

Vamos a um teste: o que essas palavras significam no espectro financeiro?

  • Nut;
  • Scalper;
  • A stock crunched;
  • Babysitting a stock.

Se você teve dificuldade em entendê-las sem um dicionário ou uma busca na Internet, é recomendável que você procure um bom curso de inglês para elevar o seu universo vocabular.

Experiência no Exterior

As pessoas tendem, ao meu ver, a subestimar a importância do intercâmbio, limitando os seus benefícios meramente ao desenvolvimento da fluência na língua inglesa. Ledo engano. Tenha certeza que os responsáveis pela seleção de candidatos não estão procurando apenas um inglês bem falado, mas principalmente buscando um perfil que agregue valor à empresa.

E que perfil seria esse? É senso comum que a experiência de morar fora modifica o indivíduo devido à necessidade de organização, de cumprimento de obrigações e, especialmente, pelo fato de retirar a pessoa da sua zona de conforto (a casa dos pais, a cidade natal, a rotina escola-inglês-cinema) e levá-la para um mundo desconhecido com indivíduos de diferentes realidades socioeconômicas e culturais.

Em sentido figurado, a cabeça da pessoa se abre e há a compreensão que a sua vida está contida em um contexto maior, e não o contrário.

Um profissional de Recursos Humanos, assim, estará em busca de uma pessoa que possui organização, é cumpridor de seus compromissos e que já vivenciou diferentes realidades a ponto de ser capaz de lidar com indivíduos de comportamentos distintos. Apenas a experiência do novo e do heterogêneo nos dá essa capacidade de transposição de barreiras no competitivo ambiente de trabalho.

Certificados

As melhores escolas de inglês oferecem cursos específicos que podem auxiliar bastante na sua aprovação em exames de inglês emitidos por renomadas universidades estrangeiras, como por exemplo, as Universidades de Cambridge e Michigan.

Com esse certificado em mãos e uma certa disponibilidade financeira, você poderá ingressar em bons cursos de economia e finanças nos Estados Unidos e na Inglaterra – dois centros financeiros mundiais.

Caso o seu orçamento seja apertado, existe um curso de extensão na Universidade da Califórnia, que dura cerca de seis meses cujos custos são muito menores do que os cursos de pós-graduação tradicionais. Assim, imaginemos que você, além de possuir um certificado internacional, ainda tenha passado um período estudando nos Estados Unidos ou na Inglaterra.

O profissional de Recursos Humanos de qualquer banco enxergará duas coisas: proficiência no idioma em questão e o perfil conciliador, agregador, responsável e dinâmico tão necessário no segmento de investimentos. Se você adicionou à experiência um estágio na área financeira, o seu caminho para posições de destaque no segmento de investimentos está pavimentado.

Visão global

Por fim, algo indispensável na área de investimentos é a visão geral das coisas. Os determinantes da escolha ou não por investir em determinada empresa ou setor podem ter natureza política, econômica, financeira, sociológica, dentre outras. Portanto, cabe ao profissional desse segmento de atuação ter um entendimento razoável de todas as variáveis que podem impactar o desempenho das mais variadas praças globais.

E isso se traduz em oportunidade. Por qual razão? Os grandes bancos de investimentos mundiais possuem profissionais especializados em todas as áreas citadas, sendo aqueles responsáveis por análises constantes para corroborar ou não escolhas por investimentos.

Portanto, invista em si mesmo mediante um bom curso de inglês para em posse de um certificado internacional ter a oportunidade de cursar uma especialização no Exterior na área de investimentos ou em alguma área correlata (política, sociologia, estatística, dentre outras).

Ah, se você sabe o que significam os termos em inglês que coloquei no início do texto, deixe sua descrição no espaço de comentários. Caso tenha interesse em saber os significados das palavras, envie um e-mail para mim: [email protected]. Até a próxima.

Foto learning english, Shutterstock.

Avatar
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários