Acessar a conta corrente e realizar transações a qualquer hora e em qualquer lugar são algumas das facilidades de se utilizar o aplicativo de seus bancos.

De acordo com os resultados do CONECTAí Express, pesquisa nacional online e multiclientes do CONECTA, 79% dos internautas brasileiros utilizam pelo menos um app de banco, sendo que os aplicativos dos bancos brasileiros “Caixa” e “Banco do Brasil” são os mais utilizados.

eBook gratuito recomendado: Bolsa de Valores para Iniciantes

Confira quais são os apps de banco mais utilizados pelos internautas brasileiros:

Entre os que utilizam app de banco, 2/3 realizam consultas e transações, sendo que as principais operações são pagamentos, transferências e recarga de celular.

No entanto, vale destacar que 1/3 utiliza os aplicativos apenas para consultas, pois preferem ir à agência ou utilizar o internet banking e caixas eletrônicos para realizar suas operações.

eBook gratuito recomendado: Educação Financeira no Ambiente de Trabalho

A pesquisa foi realizada com 2.000 internautas em junho de 2017 por meio do CONECTAi Express, pesquisa trimestral, online, multiclientes, com cobertura nacional, que permite responder a qualquer tipo de pergunta de forma exclusiva, rápida e econômica.

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários