Home Empresas Itaúsa mantém plano de desalavancagem com falta de ativos que justifiquem novos investimentos

Itaúsa mantém plano de desalavancagem com falta de ativos que justifiquem novos investimentos

Atualmente, a Itaúsa não tem exposição direta ao agronegócio

por Reuters
0 comentário

A Itaúsa (ITSA4) vai manter sua estratégia de redução de dívida diante de uma ausência de oportunidades de investimentos em novos negócios que justifiquem um retorno acima do patamar de juros e do risco do Brasil, afirmou o presidente da holding controladora do Itaú Unibanco (ITUB4), Alfredo Setubal.

“Vemos muita dificuldade em encontrar ativos em que encontramos um retorno e que tenham qualidade”, disse Setubal em conferência com analistas e investidores, após a publicação de resultados de quarto trimestre na noite da véspera.

“Acho difícil que Itaúsa tenha investimento novo diante de taxas de retorno muito elevadas para fazermos investimentos adicionais”, acrescentou o executivo.

Setubal citou o setor do agronegócio como um foco de procura da holding para investimento, mas “até hoje não encontramos algum ativo que justifique”. Atualmente, a Itaúsa não tem exposição direta ao agronegócio.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.