Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do Brasil, ataca de novoHá poucas semanas escrevemos um artigo sobre Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do Brasil. Além de contar um pouco de sua trajetória, falamos sobre a recente parceria com Warren Buffett na compra da empresa de alimentos Heinz por US$ 28 bilhões, incluindo dívidas.

Nesta semana, uma nova notícia surge mostrando que o apetite de Jorge Paulo Lemann continua forte. Através do fundo Innova, que além de Lemann, tem como sócios o megainvestidor Marcel Telles (parceiro de longa data de Lemann) e Verônica Serra, Lemann se tornou sócio da Sorveteria Dilleto.

Lemann e Telles já realizaram diversos negócios juntos, entre eles os que resultaram na cervejaria AB InBev, na compra das Lojas Americanas e da rede de lanchonetes americana Burger King.

Leandro Scabin, presidente e sócio da sorveteria, revelou que a participação do fundo na empresa dependerá da performance da empresa: “Não é um número redondo (a participação). Em ordem de grandeza é 20%, mas depende da performance da empresa”, afirmou.

O valor do negócio não foi revelado, mas a especulação no mercado é que o investimento do grupo possa ter chegado a R$ 100 milhões. A Dilleto fatura aproximadamente R$ 50 milhões por ano e nos seus quatro anos de fundação já é vendida em cerca de 3 mil pontos pelo país.

Até o início de 2011, a Dilleto delegava toda sua produção a um fabricante terceirizado. Todos os ingredientes vinham da Itália e o processo era supervisionado pelo próprio Leandro Scabin. Com investimentos de R$ 10 milhões (financiados pelo BNDES), a Diletto inaugurou a fábrica em Cotia, também com máquinas vindas da Itália. A capacidade de produção é de 300 toneladas.

As negociações começaram há cerca de um ano quando o próprio Lemann entrou em contato com a Diletto. A ideia é copiar o modelo de grandes marcas de sorvete, como Häagen-Dazs e Mövenpick, que vendem seus produtos tanto em supermercados, padarias e lanchonetes quanto em pontos próprios.

Por que esta notícia é importante?
Sempre falamos muito de oportunidades e observar a maneira como Jorge Paulo Lemann e seus sócios trabalham é um privilégio. O faro para bons negócios, a administração focada em resultados e meritocracia e a visão (basta lembrar que a Diletto ainda não completou cinco anos de vida) são marcas registradas deste brasileiro.

Para nós, resta aprender e usar sua história e seus passos como fonte de inspiração e motivação. Vamos acompanhar de perto o desenrolar de mais esse negócio e ver no que vai dar. Arrisco-me a dizer que estamos vendo o surgimento de mais uma grande marca brasileira. A conferir. Até a próxima.

Fonte: R7. Foto: divulgação.

Avatar
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários