Home Empresas Leilão de privatização da geradora Emae recebe propostas de 3 grupos

Leilão de privatização da geradora Emae recebe propostas de 3 grupos

O leilão que marcará a venda da última estatal paulista de energia vinha sendo estudado por grandes grupos do setor elétrico

por Reuters
0 comentário

Três grupos entregaram propostas para participar do leilão de privatização da geradora de energia paulista Emae marcado para sexta-feira desta semana, disseram à Reuters duas fontes com conhecimento do assunto.

A informação foi publicada mais cedo pelo jornal O Estado de S.Paulo, que citou entre as proponentes as empresas EDF, a Matrix Energia e o fundo Phoenix.

Uma das fontes confirmou que as três empresas entregaram as propostas.

Uma segunda fonte consultada confirmou à Reuters a participação da Matrix, uma joint venture da gestora Prisma Capital com uma subsidiária do grupo suíço Duferco que atua hoje nos segmentos de comercialização e geração de energia elétrica.

O leilão que marcará a venda da última estatal paulista de energia vinha sendo estudado por grandes grupos do setor elétrico e poderá movimentar ao menos 779,8 milhões de reais, com base no preço mínimo estabelecido pelo Estado de São Paulo para a alienação de suas ações.

Emae
Emae (Imagem: EMAE – Empresa Metropolitana de Águas e Energia.)

A Eletrobras (ELET3), outra importante acionista da Emae, vem sinalizando sua intenção de desinvestir do ativo no futuro.

A Emae opera um sistema hidráulico e gerador de energia elétrica entre a região metropolitana de São Paulo, baixada santista e médio Tietê.

O principal ativo da empresa é a usina hidrelétrica de Henry Borden, com 889 megawatts (MW) de potência, que fica no pé da Serra do Mar e foi inaugurada na década de 1920.

O portfólio da empresa inclui mais três hidrelétricas de menor porte, que junto com Henry Borden somam 960,8 MW, e uma termelétrica de 472 MW arrendada para a Baixada Santista Energia (BSE), subsidiária integral da Petrobras.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.