O Dia das Crianças está chegando e que tal presentear filhos, sobrinhos e netos com algo diferente, divertido e, ao mesmo tempo, educativo? Neste caso, um livro de educação financeira infantil é uma ótima opção.

Confira algumas sugestões:

As Sementes da Riqueza

Livro “As Sementes da Riqueza”

Autores: Angélica Rodrigues Santos e Rogério Olegário do Carmo

Editora: Humanidades

Ano: 2015

Sinopse: A obra trata da riqueza em suas várias expressões. Ao mesmo tempo em que sinaliza a importância de aprendermos desde cedo a lidar com o dinheiro e a organizar nossas finanças, valoriza as riquezas existentes na natureza e inerentes a cada ser humano.

Zequinha e a porquinha Poupança

Livro “Zequinha e a porquinha Poupança”

Autor: Alvaro Modernell

Editora: Mais Ativos

Ano: 2012

Sinopse: Zequinha ganha de presente uma porquinha chamada Poupança. Dedica carinho e atenção a ela e descobre que com perseverança e paciência pode realizar muitos sonhos. Esta história procura valorizar também o convívio com animais e a importância dos pais e dos amigos na vida das crianças, e destacar princípios de educação financeira.

Crise Financeira na Floresta

Livro “Crise Financeira na Floresta”

Autor: Ana Paula Hornos

Editora: Scortecci

Ano: 2014

Sinopse: Livro escrito em rimas que explica de forma lúdica como acontece uma crise financeira. Traz conceitos sobre dívida, empréstimo, juros e empreendedorismo de forma divertida através de personagens da floresta.

Ganhei um dinheirinho - O que posso fazer com ele?

Livro “Ganhei um dinheirinho – O que posso fazer com ele?”

Autor: Cássia D’Aquino

Editora: Moderna

Ano: 2010

Sinopse: Este livro pretende preparar as crianças para lidar com dinheiro, ensinar a administração de finanças e mostra como controlar os impulsos imediatistas, a lidar com a percepção de seus desejos e com os limites para a realização desses desejos.

O menino, o dinheiro e a formigarra

Livro “O menino, o dinheiro e a formigarra”

Autor: Reinaldo Domingos

Editora: DSOP

Ano: 2012

Sinopse: Neste volume, o menino faz uma importante descoberta a respeito de valores como o trabalho, a diversão e a relação das pessoas com o dinheiro.

Almanaque Maluquinho - Pra que dinheiro?

Livro “Almanaque Maluquinho – Pra que dinheiro?”

Autor: Ziraldo

Editora: Globo Livros

Ano: 2012

Sinopse: Junim e a Turma do Menino Maluquinho enfrentam dificuldades para administrar mesadas, despesas, cofrinhos e compras, pois o dinheiro nunca chega até o fim do mês. São sete histórias em quadrinhos e 6 curiosidades em que o Junim descobre como surgiu a moeda e como era feita a venda de mercadorias antigamente, como são as notas e moedas brasileiras, os mecanismos da oferta e da procura, como surgiu o salário, como funcionam os bancos e como fazer um orçamento doméstico.

A aventura da economia

Livro “A aventura da economia”

Autor: Ana Paula Pregardier

Editora: Bighouse Pub

Ano: 2014

Sinopse: Livro lúdico-interativo, trabalha a capacidade imaginativa vivencial das crianças, ajudando no aprendizado sobre como economizar. O livro tem como personagens cinco crianças que têm que resolver desafios e aprender a melhor forma de economia para poder sair do livro.

Foto “Baby reading”, Shutterstock.

Isabella Abreu
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários