Home Agronegócio Milho e soja caem com excesso de oferta e concorrência nas exportações

Milho e soja caem com excesso de oferta e concorrência nas exportações

A rapidez com que os preços do milho têm caído surpreendeu produtores e analistas de mercado

por Reuters
0 comentário
(Imagem: u_d98yqqemck/ Pixabay)

Os futuros do milho na bolsa de Chicago caíram abaixo de 4 dólares o bushel nesta sexta-feira no primeiro contrato do mês pela primeira vez desde novembro de 2020, com excesso de suprimentos globais e norte-americanos pesando sobre o mercado.

Os futuros da soja em Chicago também passaram a cair, à medida que as exportações semanais dos Estados Unidos cederam ao menor nível desde maio passado, segundo dados do governo.

A notícia de que pelo menos três navios de carga com destino aos EUA estavam se preparando para carregar soja em dois portos do norte do Brasil também pressionou o mercado.

A rapidez com que os preços do milho têm caído surpreendeu produtores e analistas de mercado, que afirmam que os valores baixos podem afetar a economia agrícola dos EUA, à medida que produtores finalizam seus planos de plantio de primavera.

A maioria dos futuros do milho na CBOT atingiu novas mínimas contratuais, com os futuros do milho para março na CBOT encerrando a sessão desta sexta-feira a 3,9975 dólares o bushel. No final de junho, o milho na CBOT era negociado acima de 6 dólares o bushel.

A estatal elevou a projeção para a segunda safra de milho a recordes 102,2 milhões de toneladas, contra 100,2 milhões estimadas anteriormente
(Imagem: freepik/@ freepik)

“Literalmente, não há nada sustentando o mercado de milho agora, porque simplesmente produzimos muito”, disse Karl Setzer, sócio da Consus Ag Consulting. “Há muito milho.”

Os compradores, em vez disso, estão se voltando para a América do Sul, onde os preços de exportação da soja brasileira estão com um desconto significativo em relação aos dos EUA mais baixos em cerca de 1,50 a 1,70 dólar o bushel, segundo traders.

E o trigo na CBOT reverteu sinal e caiu, seguindo o milho, em meio à notícia de que os EUA impuseram amplas sanções contra a Rússia, principal exportador mundial de trigo.

O contrato de soja mais ativo na CBOT caiu 10,75 centavos, a 11,4175 dólares o bushel. O milho fechou em queda de 5 centavos, a 4,135 dólares o bushel, enquanto o trigo cedeu 10,25 centavos, a 5,69 dólares o bushel.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.