Home Mercados Minério de ferro cai em Dalian com perspectiva de atividade fabril fraca na China

Minério de ferro cai em Dalian com perspectiva de atividade fabril fraca na China

Na Bolsa de Cingapura, o contrato janeiro do minério de ferro caiu 1,8%, para 141,24 dólares a tonelada, quebrando uma sequência de cinco dias de altas

por Reuters
3 min leitura

Os futuros do minério de ferro em Dalian caíram nesta quinta-feira, à medida que os participantes do mercado se preparavam para uma contração sustentada na atividade manufatureira na China.

O contrato de minério de ferro mais negociado em maio na bolsa de Dalian, na China, caiu 1,3%, para 976 iuanes (137,48 dólares) por tonelada no fechamento.

Na Bolsa de Cingapura, o contrato janeiro do minério de ferro caiu 1,8%, para 141,24 dólares a tonelada, quebrando uma sequência de cinco dias de altas.

A atividade manufatureira da China provavelmente contraiu pelo terceiro mês consecutivo em dezembro, mostrou uma pesquisa da Reuters, influenciada pela fraca demanda por bens manufaturados.

O iuan da China firmou-se contra o dólar norte-americano nesta quinta-feira, depois que o índice do dólar caiu na noite de quarta-feira para seu nível mais baixo em cinco meses.

Um iuan mais forte torna os ativos denominados em iuan menos acessíveis quando adquiridos em outras moedas.

Analistas esperam que a demanda por minério de ferro aumente nas próximas semanas, à medida que as siderúrgicas chinesas se reabastecem de matérias-primas para manter as necessidades de produção durante o feriado do Ano Novo Lunar.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.