Home Mercados Minério de ferro registra alta de 2,12% em Dalian

Minério de ferro registra alta de 2,12% em Dalian

A Rio Tinto, a maior produtora de minério de ferro do mundo, relatou um aumento de 1,2% em seus embarques de minério de ferro

por Reuters
0 comentário

Os contratos futuros de minério de ferro negociados na bolsa de Dalian ampliaram seus ganhos nesta terça-feira, com os investidores permanecendo otimistas em relação às perspectivas de demanda de curto prazo em meio aos baixos estoques.

O minério de ferro mais negociado em Dalian, encerrou as negociações diurnas com alta de 2,12%, a 866 iuanes a tonelada métrica, o maior valor desde 25 de setembro.

“Embora a produção de metais quentes tenha diminuído recentemente, o ritmo de queda é relativamente lento, com a produção atual ainda em um nível comparativamente alto para o período”, disseram analistas da Shengda Futures em uma nota.

“A produção diária de metais quentes provavelmente cairá para 2,42 milhões de toneladas até o final de outubro e se recuperará para cerca de 2,45 milhões de toneladas, dando um forte apoio às matérias-primas da siderurgia.”

A demanda robusta levou as importações de minério de ferro da China a um recorde de 876,65 milhões de toneladas nos primeiros nove meses de 2023, segundo dados da alfândega.

A Rio Tinto, a maior produtora de minério de ferro do mundo, relatou um aumento de 1,2% em seus embarques de minério de ferro no terceiro trimestre, à medida que aumentava a produção na mina de Gudai-Darri.

A melhora na demanda de aço também impulsionou o sentimento, com os volumes diários de transações de produtos de aço para construção subindo para 208.200 toneladas na segunda-feira, o maior desde maio, segundo dados da consultoria Mysteel.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.