Home Mercados Minério de ferro tem perda semanal e Dalian sobe 0,45%

Minério de ferro tem perda semanal e Dalian sobe 0,45%

O minério de ferro de referência de março na Bolsa de Cingapura avançava 0,43%, a 120,2 dólares a tonelada, caindo 5,6% até agora nesta semana

por Reuters
0 comentário
Minério de ferro

Os contratos futuros de minério de ferro tiveram uma queda semanal acentuada em meio a preocupações persistentes com a demanda na China, principal mercado consumidor do minério, apesar de uma recuperação dos preços na sexta-feira devido a temores com uma possível interrupção do fornecimento no Brasil após um acidente de trem.

O contrato de maio do minério de ferro mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) da China encerrou as negociações do dia com alta de 0,45%, a 899 iuanes (124,91 dólares) a tonelada, registrando uma queda de 6,5% na semana.

O minério de ferro de referência de março na Bolsa de Cingapura avançava 0,43%, a 120,2 dólares a tonelada, caindo 5,6% até agora nesta semana.

As fortes chuvas ocorridas nos últimos dias no Estado do Rio de Janeiro causaram um incidente em uma linha ferroviária de uma empresa terceirizada que atende a Vale (VALE3), disse o segundo maior fornecedor de minério de ferro do mundo em uma resposta a um pedido de comentário da Reuters.

“Espera-se que isso seja resolvido nos próximos dias e não afetará a produção ou os embarques da Vale.”

A oferta abundante e a lenta recuperação da demanda continuam a agir como um obstáculo no curto prazo, limitando os ganhos de preço para o principal ingrediente da fabricação de aço, disseram os analistas.

A produção diária de metal quente entre as siderúrgicas pesquisadas pela Mysteel diminuiu 0,5% na semana, para cerca de 2,24 milhões de toneladas na semana encerrada em 23 de fevereiro, mostraram dados da consultoria.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.