Amigos leitores, a cada semana trazemos aqui no Dinheirama os principais acontecimentos do mundo da tecnologia digital e empreendedorismo. Acompanhe agora o que aconteceu de mais relevante.

Hello é a nova rede social do criador do Orkut

O turco Orkut Büyükkökten divulgou nesta quarta-feira (22), sua nova rede social. Chamada Hello, o serviço está disponível para iOS e Android em quatro países – Estados Unidos, Austrália, Reino Unido e Canadá.

“O Hello é a primeira rede social construída através de amizades profundas, e não de ‘curtidas'”, disse Büyükkökten, ao apresentar sua rede social, cuja estreia no Brasil está prevista para agosto de 2016. “Eu inventei a hello para ajudá-lo a conectar-se com pessoas que compartilham das suas paixões”, afirmou o engenheiro.

Büyükkökten trabalhou por 16 anos no Google e deixou a empresa em março de 2014, alguns meses antes do Google acabar com sua principal criação – que nunca deixou de estar no modo “beta”.

Segundo o site oficial da rede social, cada usuário terá um perfil próprio, por meio do qual poderá se conectar com “personas” – comunidades focadas em paixões particulares, que também determinarão o “folio”, espécie de linha do tempo que mostrará conteúdo relevante de acordo com seus interesses.

TV Dinheirama: inscreva-se e receba os melhores vídeos sobre educação financeira

WhatsApp já registra 100 milhões de chamadas de voz por dia

O WhatsApp anunciou nesta quinta-feira, 23, que seu recurso de chamada de voz — lançado em março de 2015 — já é utilizado mais de 100 milhões de vezes ao dia, resultando em cerca de 1,1 ligação por segundo.

“Nos sentimos honrados por tantas pessoas terem feito esta funcionalidade útil, e estamos comprometidos em fazer ainda melhor nos meses que virão”, disse o WhatsApp, que pertence ao Facebook, por meio de comunicado.

O recurso de chamadas por voz foi revelado em 2014, mas lançado oficialmente em todo o mundo apenas em 2015. Gratuito, esta nova funcionalidade do aplicativo de conversas causou incomodo nas operadoras de telefonia na época de seu lançamento.

Muitos usuários, no entanto, ainda reclamam da qualidade do serviço, que precisa de conexão com a internet para funcionar.

Bradesco e Itaú testam abertura de conta corrente sem precisar ir à agência

Os grandes bancos de varejo começam a se mexer perante ao crescimento exponencial das startups conhecidas como Fintechs. Dois dos maiores, Bradesco e Itaú, começaram a testar a abertura de conta corrente sem que seja necessário o deslocamento das pessoas até a agência.

Resta saber se as burocracias internas, características das instituições financeiras tradicionais, conseguirão oferecer produtos e serviços que consigam competir com as fintechs, que apostam cada vez mais na tecnologia e inovação como instrumento para facilitar a vida das pessoas.

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários