Home Ciência e Tecnologia NYT processa OpenAI e Microsoft por infração de obras protegidas por direitos autorais

NYT processa OpenAI e Microsoft por infração de obras protegidas por direitos autorais

O NYT disse ser a primeira grande organização da imprensa dos Estados Unidos a processar a OpenAI e a Microsoft, que criaram o ChatGPT e outras plataformas de IA, por questões de direitos autorais

por Reuters
0 comentário
(Imagem: REUTERS/Dado Ruvic)

 O jornal New York Times processou a OpenAI e a Microsoft nesta quarta-feira, acusando as empresas de usar, sem permissão, milhões de artigos do veículo para treinar tecnologias de inteligência artificial (IA).

O NYT disse ser a primeira grande organização da imprensa dos Estados Unidos a processar a OpenAI e a Microsoft, que criaram o ChatGPT e outras plataformas de IA, por questões de direitos autorais.

O jornal afirmou que os réus estão tentando “aproveitar o investimento maciço do The Times em seu jornalismo, usando-o para criar produtos substitutos sem permissão ou pagamento”, de acordo com a queixa apresentada no tribunal federal de Manhattan.

“Não há nada de ‘transformador’ em usar o conteúdo do The Times sem pagamento para criar produtos que substituem o The Times e roubam seu público”, disse o jornal

A OpenAI e a Microsoft não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

O NYT não está buscando um valor específico de indenização, mas disse que a OpenAI e a Microsoft têm causado “bilhões de dólares” em prejuízos. O veículo também quer que as empresas destruam os modelos de chatbot e os conjuntos de treinamento que incorporam seu material.

Embora a controladora da OpenAI seja uma empresa sem fins lucrativos, a Microsoft tem investido 13 bilhões de dólares em uma subsidiária com fins lucrativos, o que representaria uma participação de 49%.

Investidores avaliaram a OpenAI em mais de 80 bilhões de dólares.

Outras pessoas já contestaram o suposto uso indevido pela OpenAI de materiais protegidos por direitos autorais.

Romancistas como David Baldacci, Jonathan Franzen, John Grisham e Scott Turow também processaram a OpenAI e a Microsoft no tribunal de Manhattan, alegando que os sistemas de IA podem ter usado dezenas de milhares de seus livros.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da rede “O Melhor do Dinheirama” com as melhores análises e notícias

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.