Home Mercados Opep+ considerará estender cortes voluntários na produção de petróleo, dizem fontes

Opep+ considerará estender cortes voluntários na produção de petróleo, dizem fontes

O líder de fato da Opep+, a Arábia Saudita, disse que os cortes poderão continuar após o primeiro trimestre, se necessário

por Reuters
0 comentário
Petróleo

A Opep+ considerará estender os cortes voluntários na produção de petróleo até o segundo trimestre, disseram três fontes da Opep+ à Reuters.

Duas das fontes disseram ainda que o grupo poderá manter os cortes em vigor até o final do ano.

Em novembro passado, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados liderados pela Rússia concordaram em cortes voluntários totalizando cerca de 2,2 milhões de barris por dia (bpd) para o primeiro trimestre deste ano, liderados pela Arábia Saudita, que estendeu o seu próprio corte voluntário.

Os preços do petróleo encontraram apoio este ano nas crescentes tensões geopolíticas devido aos ataques do grupo houthi, alinhado com o Irã, ao transporte marítimo do Mar Vermelho, embora a preocupação com o crescimento econômico e as elevadas taxas de juros tenham pesado. O Brent era negociado perto de 83 dólares por barril nesta terça-feira.

A extensão dos cortes de produção para o segundo trimestre é “provável”, disse uma das fontes da Opep+, que não quis ser identificada. Dois deles disseram que uma prorrogação mais longa até o final do ano era possível.

A Opep e o Ministério da Energia saudita não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

O líder de fato da Opep+, a Arábia Saudita, disse que os cortes poderão continuar após o primeiro trimestre, se necessário.

A questão ainda não foi discutida formalmente pela Opep+, disseram duas das fontes. Uma decisão sobre a extensão dos cortes é esperada na primeira semana de março, disseram fontes, e espera-se que cada país anuncie as suas decisões.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.