Home Economia e Política Pacheco diz que Senado aprovará decreto legislativo sobre calamidade no RS nesta 3ª

Pacheco diz que Senado aprovará decreto legislativo sobre calamidade no RS nesta 3ª

Em entrevista à GloboNews, Pacheco afirmou que o Congresso ainda votará uma alteração na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2024 na quinta-feira para liberar emendas parlamentares ao Rio Grande do Sul

por Reuters
0 comentário

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), disse que a Casa votará nesta terça-feira o projeto de decreto legislativo que reconhece o estado de calamidade no Rio Grande do Sul, indicando que a medida deve ser aprovada.

“Hoje no Senado nós votaremos o projeto de decreto legislativo aprovado ontem na Câmara dos Deputados“, disse Pacheco em entrevista à GloboNews.

“Evidentemente ele vai ser aprovado”, acrescentou.

Pacheco defendeu que a situação “atípica” do Rio Grande do Sul demanda soluções que sejam “atípicas e anormais”. O decreto legislativo abre caminho para o envio de recursos federais ao Estado sem que isso afete a meta fiscal do governo.

O Rio Grande do Sul tem sido atingido por chuvas intensas nos últimos dias, acumulando cerca de 90 mortes e 132 desaparecidos, de acordo com balanço da Defesa Civil gaúcha.

As chuvas provocaram cheias em rios em várias regiões do Estado, além da destruição de estradas e pontes. Afetaram ainda os serviços de fornecimento de água, energia elétrica e de serviços de telefonia para centenas de milhares de pessoas.

Pacheco ainda afirmou que o Congresso votará uma alteração na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2024 na quinta-feira para liberar emendas parlamentares ao Rio Grande do Sul.

Ele também indicou que o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, deve apresentar nesta semana uma medida específica para a dívida do Rio Grande do Sul com a União e uma outra medida estrutural para a dívida dos demais Estados.

“(A dívida dos Estados) é um grande problema federativo… estamos fazendo essa discussão em favor dos Estados”, disse o senador.

Pacheco argumentou ser inviável exigir do Rio Grande do Sul a continuidade do pagamento das parcelas do regime de recuperação fiscal. Ele disse que acredita que o Executivo dará algum alívio ao Estado.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.