Home Empresas Petrobras retoma fábrica de fertilizantes no Paraná

Petrobras retoma fábrica de fertilizantes no Paraná

A previsão é de que a operação seja reiniciada no segundo semestre de 2025, disse a Petrobras em comunicado ao mercado

por Reuters
0 comentário

A Petrobras (PETR3; PETR4) informou nesta quinta-feira que sua diretoria executiva aprovou a reativação da sua fábrica de fertilizantes Araucária Nitrogenados S.A. (ANSA), localizada no Paraná, que está hibernada desde 2020.

O anúncio da retomada da unidade vem quase duas semanas após a posse da nova presidente-executiva da Petrobras, Magda Chambriard, que assumiu a liderança da estatal com a missão de acelerar investimentos, a pedido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A previsão é de que a operação da ANSA seja reiniciada no segundo semestre de 2025, disse a Petrobras em comunicado ao mercado.

A decisão, segundo a estatal, também autoriza à ANSA celebrar acordo e efetuar a contratação dos antigos empregados, condicionada à homologação do acordo pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).

A ideia do governo é que a Petrobras seja a principal indutora de emprego e renda no país. Além do setor de fertilizantes, a indústria naval também está entre os setores em destaque para o governo brasileiro para estimular a economia e gerar empregos.

O investimento na produção de fertilizantes voltou a integrar o portfólio da Petrobras no ano passado, após a companhia revisar suas diretrizes estratégicas para o plano estratégico 2024-2028+.

Os procedimentos necessários para retomada da fábrica, com capacidade de produção de 720 mil toneladas de ureia por ano e 475 mil toneladas/ano de amônia, serão imediatamente iniciados, afirmou a estatal.

Os procedimentos iniciais incluem a publicação dos editais para contratação de serviços de manutenção e de materiais críticos.

Veja o documento abaixo:

Dinheirama

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.