Home Mercados Petróleo cai mais de 5% com dados de fraca demanda por gasolina nos EUA

Petróleo cai mais de 5% com dados de fraca demanda por gasolina nos EUA

O petróleo bruto West Texas Intermediate (WTI) dos EUA dos EUA caiu 5,01 dólares, ou 5,61%, para 84,22 dólares

por Reuters
0 comentário

Os preços do petróleo caíam mais de 5% nesta quarta-feira, após relatos de que a Rússia poderia flexibilizar a proibição das exportações de diesel nos próximos dias e de dados do governo dos EUA que indicaram uma fraca demanda por gasolina.

Os futuros do petróleo Brent caíram 5,11 dólares, ou 5,62%, para 85,81 dólares o barril. O petróleo bruto West Texas Intermediate (WTI) dos EUA dos EUA caiu 5,01 dólares, ou 5,61%, para 84,22 dólares.

Os estoques de petróleo bruto dos EUA caíram 2,2 milhões de barris, para 414,1 milhões de barris na semana encerrada em 29 de setembro, informou a Administração de Informação de Energia dos EUA (AIE), mas os estoques em Cushing, Oklahoma, o centro de entrega do WTI, subiram pela primeira vez em oito semanas.

Os estoques de gasolina aumentaram 6,5 milhões de barris, superando em muito as expectativas de um aumento de 200 mil barris. A gasolina acabada fornecida para motores caiu para cerca de 8 milhões de bpd, o nível mais baixo desde o início deste ano.

“Estamos atingindo o pico da manutenção sazonal das refinarias, mas os estoques de gasolina aumentaram fortemente em meio à demanda implícita muito mais fraca”, disse Matthew Smith, analista-chefe de petróleo da Kpler.

As notícias econômicas também pressionaram os preços do petróleo. O crescimento no setor de serviços dos EUA desacelerou em setembro, mostraram os dados.

O jornal Kommersant informou que a Rússia poderia estar pronta para aliviar a proibição do diesel nos próximos dias, citando fontes não identificadas.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.