Home Economia e Política PPI: Preços aumentam 0,5%, mais do que o esperado em abril

PPI: Preços aumentam 0,5%, mais do que o esperado em abril

Economistas consultados pela Reuters previam que aumento de 0,3% do PPI, depois de alta de 0,2% em março conforme relatado anteriormente.

por Reuters
0 comentário

Os preços ao produtor dos Estados Unidos (PPI) aumentaram mais do que o esperado em abril, em meio a fortes altas nos custos de serviços e mercadorias, indicando que a inflação permaneceu elevada no início do segundo trimestre.

O índice de preços ao produtor para a demanda final subiu 0,5% no mês passado, após cair 0,1% em março, informou o Departamento do Trabalho nesta terça-feira.

Variações em doze meses no PPI

Fonte: Departamento do Trabalho

Economistas consultados pela Reuters previam que aumento de 0,3% do PPI, depois de alta de 0,2% em março conforme relatado anteriormente. Nos 12 meses até abril, os preços ao produtor subiram 2,2%, de 1,8% em março.

A inflação aumentou no primeiro trimestre em meio à forte demanda interna, após ter desacelerado durante a maioria do ano passado. Economistas estão otimistas que os preços retomarão sua tendência de queda neste trimestre, já que o mercado de trabalho está esfriando.

Os mercados financeiros esperam que o Federal Reserve inicie seu ciclo de afrouxamento monetário em setembro, embora alguns economistas acreditem que o primeiro corte na taxa de juros possa ocorrer em julho.

No início deste mês, o banco central dos EUA deixou sua taxa de juros inalterada na faixa atual de 5,25% a 5,50%, onde está desde julho. O Fed aumentou os juros em um total de 525 pontos-base desde março de 2022.

Os dados de preços ao consumidor na quarta-feira podem oferecer novas pistas sobre o momento do tão esperado corte nos juros.

Veja o documento

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.