Home Economia e Política Putin toma posse para mandato até 2030

Putin toma posse para mandato até 2030

O presidente Putin foi reeleito e continuará seu caminho, embora o Ocidente provavelmente não goste disso

por Reuters
0 comentário

O presidente russo, Vladimir Putin, foi empossado para um novo mandato de seis anos nesta terça-feira, em uma cerimônia no Kremlin que foi boicotada pelos Estados Unidos e outros países ocidentais, na qual ele disse que estava potencialmente aberto a negociações nucleares com o Ocidente.

Putin, no poder como presidente ou primeiro-ministro desde 1999, inicia seu novo mandato mais de dois anos depois de ter enviado dezenas de milhares de soldados para a Ucrânia, onde as forças russas recuperaram ímpeto após uma série de reviravoltas e estão buscando avançar ainda mais no leste.

Aos 71 anos, Putin domina o cenário político nacional. No cenário internacional, ele está travado em um confronto com os países ocidentais, aos quais acusa de usar a Ucrânia como um veículo para tentar derrotar e desmembrar a Rússia.

Putin disse à elite política da Rússia, após tomar posse, que não estava encerrando o diálogo com o Ocidente, mas que este teria que fazer sua própria escolha sobre como se envolver com seu país.

Ele afirmou que as conversas sobre estabilidade nuclear estratégica com o Ocidente também eram possíveis, mas somente em termos iguais.

“Somos um povo unido e grande e, juntos, superaremos todos os obstáculos, daremos vida a tudo o que planejamos. Juntos seremos vitoriosos”, disse Putin.

Em março, Putin obteve uma vitória esmagadora em uma eleição rigidamente controlada, da qual dois candidatos contrários à guerra foram barrados por motivos técnicos.

(Imagem: Reprodução/Sputnik/Gavriil Grigorov/Pool via REUTERS)
(Imagem: Reprodução/Sputnik/Gavriil Grigorov/Pool via REUTERS)

Seu oponente mais conhecido, Alexei Navalny, morreu repentinamente em uma prisão no Ártico um mês antes, e outros críticos importantes estão presos ou foram forçados a fugir para o exterior.

Os Estados Unidos, que disseram não considerar sua reeleição livre e justa, não compareceram à cerimônia de posse na terça-feira.

Reino Unido, Canadá e a maioria das nações da União Europeia também decidiram boicotar a cerimônia de posse, mas a França disse que enviaria seu embaixador.

A Ucrânia afirmou que o evento buscou criar “a ilusão de legalidade para a permanência quase vitalícia no poder de uma pessoa que transformou a Federação Russa em um Estado agressor e o regime governante em uma ditadura”.

Sergei Chemezov, um aliado próximo de Putin, disse à Reuters, antes da cerimônia, que Putin trouxe estabilidade, algo que até mesmo seus críticos deveriam saudar.

“Para a Rússia, essa é a continuação do nosso caminho, isso é estabilidade – você pode perguntar a qualquer cidadão na rua”, disse Chemezov.

“O presidente Putin foi reeleito e continuará seu caminho, embora o Ocidente provavelmente não goste disso. Mas eles entenderão que Putin é a estabilidade para a Rússia, e não um tipo de pessoa nova que veio com novas políticas – seja de cooperação ou até mesmo de confronto.”

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.