Home Empresas RS: pedidos de seguro somam mais de R$ 3,88 bi

RS: pedidos de seguro somam mais de R$ 3,88 bi

O setor com maior n√ļmero de pedidos de indeniza√ß√Ķes √© o residencial e habitacional, com 22,6 mil solicita√ß√Ķes

por Agência Brasil
3 min leitura

Os moradores do Rio Grande do Sul que tiveram casas, carros e empresas atingidos pelas enchentes j√° fizeram 48.870 pedidos de indeniza√ß√Ķes para empresas seguradoras.

Os avisos de sinistros de todos os tipos j√° somam R$ 3,88 bilh√Ķes no estado.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (19) pela Confederação Nacional das Seguradoras (CNSeg).

Na compara√ß√£o com a¬†divulga√ß√£o anterior, feita no dia 23 de maio, o n√ļmero de pedidos cresceu 108% e os valores tiveram aumento de 132%.¬†

O setor com maior n√ļmero de pedidos de indeniza√ß√Ķes √© o residencial e habitacional, com 22,6 mil solicita√ß√Ķes.

O maior valor é o do setor de grandes riscos, que envolve a cobertura empresarial, com R$ 1,32 bilhão, seguido pelo setor de automóveis, com R$ 1,27 bilhão.

O setor agr√≠cola registrou 2,2 mil pedidos, somando R$ 181,6 milh√Ķes.¬†

O presidente da entidade, Dyogo Oliveira, explica que os n√ļmeros devem continuar crescendo nas pr√≥ximas semanas. ‚ÄúA situa√ß√£o ainda n√£o est√° estabilizada no Rio Grande do Sul, e isso certamente gerar√° continuidade no processo de avisos de sinistros.‚ÄĚ

Segundo Oliveira, as empresas est√£o facilitando o atendimento e agilizando o pagamento de indeniza√ß√Ķes quando √© poss√≠vel.

‚ÄúMuitas empresas j√° est√£o pagando os sinistros, inclusive com bastante agilidade‚ÄĚ, disse ele, explicando que, no caso de avalia√ß√Ķes de seguros empresariais, por exemplo, nas quais √© preciso fazer vistorias em locais ainda alagados, o pagamento pode demorar mais.¬†

Apesar do alto n√ļmero de pedidos de pagamentos, a CNseg garante que as empresas do setor est√£o preparadas para fazer frente a tais valores.

‚ÄúEsses volumes s√£o perfeitamente cobertos pelas capacidade financeira das seguradoras brasileiras. Al√©m das reservas t√©cnicas, que s√£o mandat√≥rias, elas contam com ativos financeiros pr√≥prios e com todo o sistema de resseguro nacional e internacional‚ÄĚ, afirmou Oliveira.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.