Home Agronegócio RS: Perdas na soja chegam a 2,4 mi t, diz Pátria AgroNegócios

RS: Perdas na soja chegam a 2,4 mi t, diz Pátria AgroNegócios

Segundo Pereira, mesmo as regiões que não inundaram estão passando por chuvas intensas, "que inviabilizam colheita com soja já maturada", reduzindo a qualidade

por Reuters
0 comentário

A safra de soja do Brasil em 2023/24 foi estimada nesta segunda-feira em 142,82 milhões de toneladas, considerando uma perda de 2,4 milhões de toneladas na produção do Rio Grande do Sul, apontou a consultoria Pátria AgroNegócios em relatório.

A redução no Rio Grande do Sul foi parcialmente compensada por ajustes positivos em outros Estados. O número da safra nacional foi reduzido em apenas 360 mil toneladas na comparação com o levantamento anterior.

“Destaque para o leve aumento da produtividade observada na Bahia, Maranhão e Piauí; queda acentuada da produção no Rio Grande do Sul, que perdeu mais de 2,4 MTs em relação ao potencial produtivo inicial”, disso o diretor da consultoria, Matheus Pereira.

Segundo ele, a projeção de 2,4 milhões de toneladas perdidas no Rio Grande do Sul pelas enchentes usa parâmetros “bem” conservadores.

Ademilson Tardetti, 55, mostra sua plantação de milho destruída por enchentes em Guaíba (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

O fator enchentes foi o de “maior poder catastrófico, se é que podemos falar sobre isto”. “Porém o padrão chuvoso que se estabeleceu no Rio Grande do Sul também tem mostrado quebras por redução de qualidade”, acrescentou ele.

Segundo Pereira, mesmo as regiões que não inundaram estão passando por chuvas intensas, “que inviabilizam colheita com soja já maturada”, reduzindo a qualidade.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.