Viver de Renda
Viver de Renda
Home Comprar ou Vender Santos Brasil: Goldman Sachs eleva preço-alvo em 31%

Santos Brasil: Goldman Sachs eleva preço-alvo em 31%

O Goldman relembra que está 14% acima do consenso da Bloomberg no nível de Ebitda e espera revisões para cima dos lucros pelos analistas

por Gustavo Kahil
0 comentário
Santos Brasil

O Goldman Sachs elevou o preço-alvo para as ações da Santos Brasil (STBP3) em 31%, de R$ 9,90 para R$ 13, mostra um relatório enviado a clientes nesta sexta-feira (9).

Os analistas Bruno Amorim, João Frizo e Guilherme Costa Martins, ajustaram as estimativas com base no volume de movimentação de contêineres.

As expectativas cresceram em 0%/10%/3% para 2023, 2024 e 2025. Para os volumes armazenados, a projeção saltou em 6%/8%/5%, fazendo com que as estimativas de receita líquida fossem revisadas em 1%/7%/0%.

Viver de Renda

Além disso, o Ebitda foi alterado em 3%/11%/-2%. A taxa de desconto (WACC, weighted average cost of capital) caiu de 15,2,% para 13,3% devido a taxas livres de risco mais baixas desde a última atualização.

Ação pode subir mais?

Em 2024, as ações da Santos Brasil subiram aproximadamente 19% no acumulado do ano, enquanto o índice Ibovespa caiu 6%, o que levou a questionamentos dos investidores sobre espaço para uma nova reavaliação do preço.

“Vemos uma perspectiva de volume positiva em 2024 (modelamos um crescimento de cerca de 17% ano a ano), à medida que a empresa retoma o crescimento de uma base normalizada, após um fraco 2023, e se beneficia de restrições temporárias de capacidade em seus concorrentes no Porto de Santos . A longo prazo, não vemos um novo operador no porto que possa perturbar o atual ambiente saudável”, pontuam os analistas.

Ações da Santos Brasil nos últimos 12 meses

Além disso, a avaliação do mercado ainda parece “pouco exigente” aos negocias a 8,6 e 8,2 vezes os múltiplos de valor da empresa sobre o Ebitda para 2024 e 2025, respectivamente.

Os números estão “significativamente abaixo do múltiplo implícito pela correlação com taxas livres de risco no Brasil em 9,8 vezes”.

O Goldman relembra que está 14% acima do consenso da Bloomberg no nível de Ebitda e espera revisões para cima dos lucros à medida que tais volumes fortes se materializem

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da rede “O Melhor do Dinheirama” com as melhores análises e notícias

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.