Home Economia e Política Setor de serviços dos EUA contrai em abril; pressões de preços voltam a acelerar

Setor de serviços dos EUA contrai em abril; pressões de preços voltam a acelerar

A expectativa era de que o banco central dos EUA começasse a cortar os juros este ano

por Reuters
0 comentário

O setor de serviços dos Estados Unidos contraiu em março, enquanto uma medida dos preços pagos pelas empresas por insumos aumentou, um sinal preocupante para as perspectivas de inflação.

O Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM, na sigla em inglês) informou nesta sexta-feira que seu PMI não manufatureiro caiu para 49,4 no mês passado, de 51,4 em março, a menor leitura desde dezembro de 2022.

Uma leitura acima de 50 indica crescimento no setor de serviços, que responde por mais de dois terços da economia.

O PMI aumenta as evidências de que a economia está começando a perder um pouco de força depois de expandir em um ritmo sólido.

Economistas consultados pela Reuters previam que o índice subiria para 52,0 em abril.

A desaceleração do crescimento econômico ocorre após aumentos totais de 525 pontos-base na taxa de juros pelo Federal Reserve desde março de 2022, com o objetivo de conter a inflação elevada.

(Imagem: REUTERS/Hannah Beier/File Photo)

A expectativa era de que o banco central dos EUA começasse a cortar os juros este ano, mas agora persistem dúvidas em meio a uma paralisação no progresso da redução da inflação para sua meta de 2%.

Uma medida de novos pedidos recebidos pelas empresas de serviços caiu para 52,2 no mês passado, de 54,4 em março, a leitura mais baixa desde setembro passado.

A produção também vacilou, com um indicador da atividade empresarial recuando para 50,9, de 57,4 no mês anterior, para níveis vistos pela última vez no início da pandemia de Covid-19 em maio de 2020.

Apesar da desaceleração da demanda, a inflação de serviços parece ter se recuperado novamente. A medida da pesquisa dos preços pagos por insumos pelas empresas saltou de 53,4 em março para 59,2.

Dados da semana passada mostraram que a inflação de serviços acelerou em março.

Veja o documento abaixo:

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.