Olá amigo leitor do Dinheirama, chegamos com mais uma edição dos “Vídeos da Semana”! É o momento de revermos os vídeos que foram ao ar em nosso canal no Youtube na semana que passou.

Se você perdeu algum, agora poderá contar com esse resumão e começar a semana com os melhores vídeos de educação financeira.

Importante: Não deixe de acessar e se inscrever gratuitamente em nosso canal (clique aqui)

Acompanhe os vídeos dessa semana:

Superendividamento: 4 Passos para lidar com essa Situação e pagar suas Dívidas

s dívidas são um problema que atingem muitos brasileiros, e em alguns casos elas fogem completamente ao controle, criando um quadro hoje conhecido como superendividamento. Pagar as dívidas e colocar as finanças pessoais em dia é possível mesmo diante de uma situação tão complicada, e é isso que vamos discutir no vídeo de hoje.

Por incrível que pareça, lidar com o superendividamento requer muito mais uma mudança de comportamento que propriamente dinheiro. O principal é assumir a responsabilidade e criar as condições em casa para pagar as dívidas, mesmo que isso signifique vender patrimônio, abrir mão de coisas no estilo de vida e por aí vai.

5 Erros (envolvendo Dinheiro) que podem arruinar seu Casamento

O casamento é o sonho de muitos brasileiros, mas infelizmente também acaba sendo o pesadelo de muitos casais que não tratam das finanças pessoais de forma aberta e inteligente. Seja sincero: no seu relacionamento, dinheiro é sinônimo de problema ou de solução? Como anda a educação financeira aí dentro de sua casa?

Ninguém fica rico sozinho, e isso é ainda mais verdadeiro quando se tem uma família. O “time” precisa abraçar a causa de verdade, portanto ganhar dinheiro também precisa ser uma prioridade dos casais, e isso deve vir desde o namoro, noivado e assim por diante. Casamento e dinheiro formam uma relação muito séria.

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários