Home Empresas Suzano desiste de aquisição da International Paper

Suzano desiste de aquisição da International Paper

O contato ocorreu em meio a acordo da IP para comprar a produtora britânica de embalagens DS Smith por 7,2 bilhões de dólares.

por Reuters
3 min leitura

 A Suzano (SUZB3) informou nesta quarta-feira que, após algumas tratativas com International Paper a respeito de uma potencial transação entre as empresas, desistiu de comprar a companhia.

A Suzano disse alcançou o que entendeu ser “o preço máximo para que a transação gerasse valor” para si, mas que não houve engajamento da IP, conforme fato relevante.

“Portanto, em observância ao seu compromisso com a disciplina de capital, a Suzano formaliza que não seguirá na busca de uma transação envolvendo a aquisição da International Paper”, afirmou a produtora de papel e celulose no comunicado.

“Sempre foi condição da Suzano para a concretização desta transação que houvesse o engajamento entre as partes em bases privadas, confidenciais e amigáveis. Não tendo sido possível avançar dessa forma, a Suzano optou por encerrar as tratativas.”

A Reuters noticiou em maio que a Suzano havia contatado a International Paper para expressar interesse em uma aquisição, toda em dinheiro, que poderia ser avaliada em quase 15 bilhões de dólares, de acordo com fontes. Posteriormente, a Reuters publicou que a companhia brasileira discutia com seus assessores a possibilidade de melhorar a oferta pela IP.

O contato ocorreu em meio a acordo da IP para comprar a produtora britânica de embalagens DS Smith por 7,2 bilhões de dólares.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.