Quando as pessoas atingem o equilíbrio financeiro, começam a pensar em investimentos. Então logo pedem a opinião de amigos ou familiares sobre qual o “melhor investimento”.

O melhor investimento para eles pode não ser para você, pois existem algumas variáveis que precisam ser respeitadas. O primeiro passo é definir estes pontos importantes:

  • Você pode deixar o dinheiro investido por muito tempo? (liquidez);
  • Quando desse dinheiro você vai usar no curto, médio e longo prazo (objetivos para uso do dinheiro);
  • Prefere correr menos riscos e ganhar menos, ou mais riscos e ganhar (ou perder) mais?

Esta última pergunta é pouco compreendida. Muita gente coloca seu dinheiro numa aplicação de risco, mesmo não entendendo bem os impactos financeiros e psicológicos que isso pode causar.

O resultado é que aquele investimento que deveria multiplicar o seu dinheiro, termina subtraindo boa parte dele.

A satisfação de investir se transforma em decepção e preocupação, pelo simples fato da pessoa não conhecer o seu próprio perfil de investidor.

Faça este teste, descubra o seu perfil, e multiplique seu dinheiro

Para evitar esse tipo de problema, preparamos para você um breve teste, onde você irá responder 4 perguntas para avaliarmos qual é o seu perfil de investidor.

Isso irá te ajudar a investir em produtos financeiros que estejam mais alinhados ao seu modo de ser.

Para fazer o teste, basta clicar aqui. Você será direcionado para uma página exclusiva, onde poderá responder as perguntas.

Esperamos que goste do relatório que será fornecido no final do teste, com outras informações complementares. Desejamos ótimos investimentos! Até a próxima!

Nota: Esta coluna é mantida pela Empiricus, que contribui para que os leitores do Dinheirama possam ter acesso a conteúdo gratuito de qualidade.

Empiricus Research
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.