Home Empresas Threads chega a 175 mi de usu√°rios antes de completar um ano

Threads chega a 175 mi de usu√°rios antes de completar um ano

"Um ano após o lançamento, sabemos o que o Threads não é, mas não sabemos o que ele é", disse Jasmine Enberg

por Reuters
3 min leitura

A mais nova rede social da Meta (META;¬†M1TA34), Threads, superou a marca de 175 milh√Ķes de usu√°rios ativos mensais, revelou nesta quarta-feira o presidente-executivo da companhia, Mark Zuckerberg, antes do primeiro anivers√°rio da plataforma.

Potencial concorrente do X, o Threads chegou às lojas de aplicativos em 5 de julho do ano passado com o objetivo de conquistar usuários do antigo Twitter durante sua caótica aquisição pelo bilionário Elon Musk.

A plataforma conseguiu 100 milh√Ķes de usu√°rios em menos de uma semana, em parte devido √† facilidade que usu√°rios do Instagram possuem para criar seus perfis no Threads, mas alguns dos usu√°rios iniciais posteriormente deixaram a plataforma.

“Que ano”, disse Zuckerberg em uma publica√ß√£o no Threads. Em abril, ele havia estimado o n√ļmero de usu√°rios ativos mensais do Threads em mais de 150 milh√Ķes.

O n√ļmero de usu√°rios m√©dios mensais d√° apenas uma vis√£o limitada da popularidade do Threads, que n√£o revelou m√©tricas-chave como o n√ļmero de usu√°rios ativos di√°rios e o tempo m√©dio gasto por usu√°rio.

Embora o Threads tenha aumentado o n√ļmero de usu√°rios por meio da expans√£o internacional e de novos recursos, a plataforma tem lutado para impulsionar o engajamento, de acordo com a empresa de intelig√™ncia de mercado Sensor Tower.

No m√™s passado, os usu√°rios registraram uma m√©dia de tr√™s sess√Ķes e sete minutos por dia no aplicativo Threads, uma queda de cerca de 79% e 65%, respectivamente, em rela√ß√£o a julho do ano passado, segundo dados da Sensor Tower.

O Threads não possui publicidade e, portanto, gera pouco ou nenhum lucro para a Meta. Recentemente, a plataforma entrou na Fediverse, um grupo de sites de mídia social que suportam o protocolo ActivityPub e cujos usuários podem interagir entre essas plataformas.

“Um ano ap√≥s o lan√ßamento, sabemos o que o Threads n√£o √©, mas n√£o sabemos o que ele √©”, disse Jasmine Enberg, analista da eMarketer, acrescentando que a falta de dire√ß√£o e de conte√ļdo original pode prejudicar seu crescimento.

“A Meta deve estar se perguntando se faz sentido manter o Threads como um aplicativo independente ou direcionar esse engajamento de volta para o Instagram. A boa not√≠cia √© que o interesse dos anunciantes na plataforma √© alto”, disse ela.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.