Olá amigo leitor, tudo bem? Chegou mais um Top 5 Dinheirama. Como você já sabe, todo início de semana, publicamos uma seleção com o resumo dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior.

A ideia é lhe oferecer um panorama das preferências de outros leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

5 Passos definitivos para blindar suas finanças em tempos de crise e desemprego

Crise. Essa é a palavra passou a fazer parte do dia-a-dia dos brasileiros já algum tempo. Ela está em todos os lugares: nos jornais, na TV, na conversa entre amigos, no almoço de família, no ambiente de trabalho. Não há como fugir dela. Se você está bem empregado, sente os efeitos quando vai ao supermercado; se você foi desligado, não está conseguindo se recolocar, está inseguro ou infeliz.

Essa atmosfera pesada começa a produzir repercussões na saúde mental dos brasileiros. Segundo Maria Alice Fontes, psicóloga e diretora da Clínica Plenamente, a crise financeira está associada com o medo de não ser capaz de sustentar as necessidades financeiras básicas, a impossibilidade de ter o mesmo padrão de vida e a baixa autoestima devido ao distanciamento social. “Emprego estável e um rendimento seguro predizem uma boa saúde mental”, afirma.

Clique aqui para ler o post completo

7 livros indispensáveis para controlar as finanças, investir e enriquecer

Muitas pessoas querem aprender a cuidar melhor do dinheiro e investir, e esta é uma premissa deste nosso espaço. Muitos leitores querem dedicar um pouco mais de tempo e esforço na busca por conhecimento financeiro, portanto ficamos felizes em auxiliar neste processo.

Quem está começando a se interessar por economia e investimentos sempre nos pede sugestões de livros que, de fato, podem colaborar, através de linguagem acessível e exemplos, a criar uma cultura própria (e sadia) em torno do dinheiro.

Felizmente já existe por aqui muita literatura para quem deseja construir uma boa base de conhecimento. Temos ainda autores que conseguiram experimentar o sucesso nos investimentos e nos emprestam, através dos livros, um bocado de estratégias vencedoras.

Clique aqui para ler o post completo

Café com bolo e outras coisas cheias de valor no caminho da prosperidade

Qual o preço de um café com bolo? Uns dirão que depende do café. Outros dirão que depende do bolo. E qual o valor que ambos carregam? Vou dizer que varia também, mas depende essencialmente do uso que você faz deles.

Quando chamo amigos para um encontro, normalmente os convido para um café com bolo. Então o valor, neste caso, é bastante alto, porque o café com bolo vem junto com um bom papo, risadas e carinho.

Minha amiga Letícia sabe do tanto que gosto dessas coisas, e já chegou a fazer alguns bolos de presente para mim.

Experimente: não há nada melhor que um café com bolo junto a amigos para tirar alguém do buraco e colocá-lo no céu. É bem melhor para a vida – e para o bolso – do que sair gastando o que pode e o que não pode para tentar melhorar o humor!

Clique aqui para ler o post completo

A internet não é terra sem lei: saiba o que diz o Direito Digital hoje em dia

Conversamos com Felipe Barreto Veiga, que é sócio-fundador do BVA Advogados e advogado especializado em Direito Digital.

Ele conta que cresceu brincando com computadores. “Meu tio era pesquisador da Unicamp e tinha um 486 DX2, que era quase uma aberração na época. Logo depois, ganhei meu próprio PC e fui um dos primeiros usuários do UOL, na época que o “instalador” de internet vinha num CD-ROM e a conexão era 28.8k discada. Nem preciso falar, portanto, que foi bastante animador passar a trabalhar com algo mais parecido com aquilo que eu gostava.

Felipe também explica que o Direito Digital não é apenas o Direito relacionado à internet, como muitos acreditam que seja. “É aquilo que acaba fazendo mais sentido se analisado sob uma ótica digital, o que acaba deixando ele bem amplo – e, na minha opinião, mais interessante”. Confira a entrevista exclusiva para o Dinheirama.

Clique aqui para ler o post completo

Uma planilha criada para você parar de perder dinheiro

Controlar as finanças é algo indispensável, principalmente agora que a crise econômica começa a esboçar sinais de melhora.

A percepção de que o poder de compra está melhorando pode ser um convite para aumentar os gastos e acabar gastando mais do que o padrão de vida permite, principalmente no final do ano onde não faltam despesas extras.

Com esse cenário, é fundamental planejar muito bem os gastos, priorizando, acima de tudo, o que é realmente indispensável e tentando eliminar/diminuir despesas variáveis e supérfluas. Ah, também é importante turbinar a reserva de emergência e dar atenção especial aos investimentos.

Clique aqui para ler o post completo

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários