Seguindo sugestões de nossos leitores, faremos todo domingo de noite uma seleção, com resumo, dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior. A ideia é oferecer a você um panorama das preferências de mais leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

3 Regras de Ouro das Finanças Pessoais

A boa notícia em relação ao dinheiro é que você já sabe o que precisa fazer para controlá-lo. A má notícia é que, apesar de óbvias, as atitudes necessárias não fazem parte de nossa cultura. Tenho a impressão de que o dinheiro ainda é visto como tabu.

Neste artigo, cito e comento três regras de ouro para lidar de forma definitiva com as finanças: 1) Gastar menos do que ganha; 2) Não comprometer mais do que 30% da renda com dívidas; e 3) Ter uma reserva de emergências.

Clique aqui para ler o artigo completo.

4 Fatores Para Ser Bem-Sucedido nos Investimentos

O medo de crises é uma coisa bastante comum entre os pequenos investidores – muitos deles entram em pânico. O que dizer das oportunidades criadas com estas mesmas crises? Este é um dos principais fatores de sucesso dos grandes investidores.

Outro fator importante para investir melhor diz respeito à interpretação de notícias e acontecimentos. Há que se tomar cuidado as projeções e opiniões de economistas, participantes do mercado e imprensa em geral.

Clique aqui para conhecer os fatores que podem mudar seus investimentos.

Não vai ter Copa? Hino a capela? O Brasil dos extremos

Estamos vivendo um período muito interessante no país: campeonato mundial de futebol chegando ao momento derradeiro somado a um surto patriótico típico destes momentos, sempre entre lágrimas e muita emoção (o hino a capela é ou não é emocionante?).

Como encarar esse momento e aproveitá-lo para construir um futuro melhor e com as importantes reformas que o país tanto precisa? Como agir e pensar diante de tanto patriotismo de chuteiras, mas de poucas mudanças no cotidiano como um todo? Leia esta ótima reflexão.

Clique aqui para ler o artigo completo.

De Que Adianta Ser o Homem Mais Rico do Cemitério?

Muitas pessoas ainda confundem educação financeira com ser mesquinho, “pão duro”. Uma coisa não tem nada a ver com a outra: o principal ativo da educação financeira é a qualidade de vida e o que o dinheiro pode proporcionar neste sentido.

Equilíbrio é uma palavra que precisa ser mais dita e ouvida, mas principalmente praticada. Adianta só economizar para a velhice? Adianta também gastar o que não tem para viver intensamente alguns prazeres? Como equilibrar estes pontos?

Clique aqui para ler um excelente texto sobre educação financeira.

Plano Real, 20 anos! Conquistas, Desafios e Futuro

Quem tem hoje menos de 40 anos de idade, não tem a consciência do que era conviver com taxas de inflação elevada, correção monetária para tudo (um jeitinho brasileiro) e fortes distorções distribuídas pela economia.

O que mudou com a implantação do Plano Real? Quais foram as consequências para a economia e para o bolso dos brasileiros? O que esperar para o futuro? Em um texto bastante objetivo, Alvaro Bandeira explica como chegamos até aqui e quais são nossos novos desafios.

Clique aqui para ler o artigo completo.

Acompanhe os novos artigos durante a semana e domingo que vem volto com os artigos mais compartilhados e visitados. Obrigado pela confiança. Até mais.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários