TV DinheiramaHoje é dia de estréia. Nasce a TV Dinheirama, idealizada depois de um longo e produtivo papo com o amigo Cabianca. A idéia do novo projeto é levar ainda mais conhecimento aos leitores. Tentarei, através de áudio e video, facilitar a compreensão de alguns aspectos econômicos e financeiros. Para começar, decidi demonstrar a planilha de simulação de juros compostos disponibilizada pelo blog.

Inúmeros temas foram sugeridos para a criação de vídeos deste tipo e espero poder contar com a sua ajuda para fazer da TV Dinheirama mais um sucesso. Com o vídeo de hoje, pretendo explicar como podemos usar os juros compostos de forma a criarmos o hábito de poupar e investir. Vamos ver?

O video foi produzido e editado por mim, portanto acredito que os próximos podem ser melhorados, se usadas ferramentas mais profissionais. A qualidade é compatível com o Youtube e permite que o video seja carregado, de forma rápida e sem interrupções, em quase todos os tipos de conexões de internet disponíveis. Deixe sua opinião, colabore, divulgue e ajude a criar um Dinheirama cada vez melhor. Conto com você. Até a próxima.

Onde o conceito pode ser aplicado?
O video pode ter ficado um pouco técnico demais, reconheço. O Renato me ajudou e pude perceber que faltou falar mais sobre investimentos populares, como a caderneta de poupança. A planilha pode ser usada para simular a evolução do dinheiro aplicado na poupança, nos fundos de ações, fundos de renda fixa, DI, CDB etc. No entanto, lembre-se de que alguns desses produtos possuem taxa de administração, portanto desconte-os na rentabilidade mensal.

Exclusivo: Quer ter acesso a muitas outras planilhas deste tipo? Nosso parceiro WebLivre traz inúmeros artigos e arquivos sobre orçamento, juros compostos e finanças. Clique e confira!

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários