Home Empresas UBS tem 1º lucro trimestral desde controle do Credit Suisse

UBS tem 1º lucro trimestral desde controle do Credit Suisse

Após o negócio o UBS teve dois trimestres consecutivos de prejuízo devido aos custos de absorção do rival

por Reuters
0 comentário

O UBS teve lucro líquido de 1,8 bilhão de dólares para o período de janeiro a março, o primeiro resultado trimestral positivo desde que assumiu o controle do rival Credit Suisse.

O lucro líquido atribuível aos acionistas do maior banco da Suíça foi melhor do que a estimativa de consenso fornecida pela instituição, de 602 milhões de dólares, e se compara a um lucro de 1 bilhão no mesmo período do ano anterior.

O UBS também disse nesta terça-feira que conseguiu um adicional de 1 bilhão de dólares em economias brutas de custos no primeiro trimestre, elevando o total para 5 bilhõess.

O objetivo do banco é conseguir mais 1,5 bilhão de dólares em economias até o final do ano.

A primeira fusão de dois bancos globais de importância sistêmica – orquestrada pelas autoridades suíças, que temiam que o Credit Suisse entrasse em colapso – foi concluída em junho passado.

Após o negócio o UBS teve dois trimestres consecutivos de prejuízo devido aos custos de absorção do rival.

Os investidores se mostraram otimistas em relação às perspectivas do UBS, dados os baixos custos de aquisição e seu enorme aumento de ativos.

As ações do banco subiram cerca de 40% no último ano.

Espera-se que este ano seja crucial para o UBS, uma vez que o banco enfrentará alguns dos estágios mais complicados da integração, como a combinação de sistemas de TI e entidades jurídicas, bem como a migração de clientes do Credit Suisse para o UBS.

Veja o documento abaixo:

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.