Home Empresas Unigel protocola plano de recuperação extrajudicial que prevê reestruturação de R$ 3,9 bi

Unigel protocola plano de recuperação extrajudicial que prevê reestruturação de R$ 3,9 bi

Segundo a empresa, esses credores juntamente com o grupo Unigel terão 90 dias para buscar a aprovação do plano pela maioria proporcional do total do crédito a ser reestruturado

por Reuters
0 comentário

A Unigel afirmou que chegou a acordo com parte dos credores e protocolou na terça-feira pedido de homologação do seu plano de recuperação extrajudicial, que prevê a reestruturação de 3,9 bilhões de reais em dívidas, com a emissão de novos títulos e cancelamento dos atuais.

A empresa do setor químico afirmou que o plano foi aprovado pelos credores que representam mais de um terço do total da dívida a ser reestruturada.

Segundo a empresa, esses credores juntamente com o grupo Unigel terão 90 dias para buscar a aprovação do plano pela maioria proporcional do total do crédito a ser reestruturado, conforme exigido pela Lei de Falências Brasileira.

Além disso, o plano prevê captação de nova linha de crédito de aproximadamente 100 milhões de dólares com vencimento em 2027, através da qual os participantes da operação terão direito também a benefícios econômicos.

A Unigel, que opera duas fábricas de fertilizantes nitrogenados arrendadas da Petrobras, disse que o plano confere mais 90 dias de proteção para um maior detalhamento dos pontos negociais com os credores e elaboração dos documentos finais do acordo.

“Após as intensas negociações que aconteceram nos últimos meses, a decisão pela recuperação extrajudicial foi definida de forma consensual”, disse a Unigel em nota.

Segundo o CEO da Unigel, Roberto Noronha Santos, o plano permitirá o aprimoramento da estrutura de capital da companhia, “com aumento de sua liquidez e redução significativa da alavancagem, a fim de garantir a continuidade do plano de negócios que foi duramente impactado pela crise da indústria petroquímica mundial”.

Para o CFO e diretor de Relações com Investidores da empresa, André Gaia, o plano de recuperação extrajudicial representa um encaminhamento bem-sucedido das negociações e uma solução positiva tanto para a companhia, quanto para os credores.

“Além disso, serão levantados novos recursos para dar continuidade a projetos estratégicos como a fábrica de ácido sulfúrico, além de garantir a manutenção de suas operações no longo prazo de forma segura e em benefício de seus colaboradores, comunidades, clientes e fornecedores”, disse Gaia.

Em dezembro de 2023, a empresa já havia realizado desinvestimento com a venda da Plastiglas, operação de chapas acrílicas da Unigel no México, cujos recursos reforçarão seu capital de giro, destacou a companhia em nota.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.