Home Finanças Pessoais Você pode estar no caminho errado

Você pode estar no caminho errado

por Ricardo Pereira
0 coment√°rio

errado-postDurante certos per√≠odos da vida, √© muito comum acreditarmos piamente em algumas ‚Äúverdades‚ÄĚ ‚Äď na hora em que elas aparecem as consideramos como absolutas. √Č assim quando n√≥s conhecemos e gostamos de algu√©m, √© assim em nosso trabalho e em outros momentos importantes que fazem parte de nossa vida.

Quando o assunto é dinheiro, essas verdades absolutas são também muito comuns: acreditamos que os melhores investimentos são aqueles que foram sugeridos e feitos durante a vida toda pelos nossos pais, por exemplo.

Mais, acreditamos que investir no mercado de a√ß√Ķes √© simplesmente acreditar na sorte, batemos o p√© quando algu√©m conta como conseguiu prosperar com muito esfor√ßo e principalmente nos mostramos muito interessados quando somos apresentados a ideias mirabolantes de enriquecimento r√°pido e f√°cil.

Vem f√°cil , vai f√°cil…

Tudo o que vem muito f√°cil e cativa na mesma velocidade tem, via de regra, uma caracter√≠stica peculiar, carrega consigo uma forte tend√™ncia de levar as pessoas ao desapontamento. Quem n√£o lembra de uma paix√£o moment√Ęnea ou mesmo uma decep√ß√£o no trabalho vinda de algu√©m em quem confi√°vamos e que puxou o tapete no momento daquela promo√ß√£o?

Amizades verdadeiras são construídas com o tempo e com o exemplo. Aparência não é o mais importante e você já deve ter notado isso. A verdade é que tudo sempre tem vários caminhos e nem sempre descobrimos a tempo que estamos indo pela estrada errada. Quando percebemos, é tarde para passar sem feridas pelo caminho de volta.

Mudanças precisam ser aproveitadas

Trazendo nossa conversa para o lado financeiro, culturamente vivemos em um pa√≠s que conviveu durante muito tempo com a superinfla√ß√£o ‚Äď o sal√°rio para valer algo precisava ser utilizado no mesmo dia.

Os mais novos que estão lendo o texto talvez não consigam imaginar essa realidade, mas as pessoas precisavam estocar alimentos de toda espécie em congeladores e despensas enormes para conseguir sobreviver ao restante do mês.

Atualmente, temos um per√≠odo de infla√ß√£o alta, mas nem de perto ela pode ser comparada ao que aconteceu nas d√©cadas de 80 e in√≠cio dos anos 90. Nesse mesmo per√≠odo de crise econ√īmica, outro fator determinante foi a (praticamente) inexist√™ncia da classe m√©dia: a quantidade de pobres (muito pobres) era muito alta e as pessoas basicamente tratavam de sobreviver.

Demanda reprimida e crédito (caro) farto são uma porta aberta para o consumo sem planejamento. Esse período de grave crise fez com que as pessoas, durante muito tempo, tivessem uma demanda de consumo reprimida.

A sensa√ß√£o de precisar de algo em um momento onde o cr√©dito foi farto (mas caro) empurrou muitas pessoas para o endividamento ‚Äď mais uma vez fizemos, como sociedade, a op√ß√£o pelo caminho errado. A duras penas estamos descobrindo que o consumo precisa ser feito de forma consciente, com planejamento e tempo.

Nos investimentos, hoje se observa o mesmo. Muitas pessoas continuam se fechando para a nova realidade e cada vez mais desistem de buscar alternativas, enxergando apenas a velha e já não tão boa caderneta de poupança.

Aqui, o caminho errado não é apenas o fato de escolher um investimento ruim, mas também não demonstrar interessar em conhecer o que de fato acontece no mercado atual. Afinal, o que foi bom no passado não representa garantia de sucesso no futuro, você já ouviu isso, certo?

Se você traçou o caminho errado, o mais importante é reconhecer o erro. Não tenha medo de recomeçar e tentar outros caminhos. Cuide das feridas e não desista. O tempo pode ser seu aliado ou seu inimigo, por isso todo passo deve ser dado com planejamento e atenção.

Lembre-se: estamos em 2013 e não podemos agir como se o mundo tivesse parado na década de 80. Desenvolva hábitos e cultive as oportunidades que terão efeito prático e positivo hoje.

Voc√™ gostou do meu artigo, concorda com minha opini√£o? Lembre-se que o mais importante por aqui √© trocar ideias e juntos descobrirmos novas formas de olhar a vida. Se quiser poder me encontrar no twitter sou o @RicardoPereira¬†. √ďtimo final de semana e at√© a pr√≥xima.

Foto de freedigitalphotos.net.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.