O que diferencia as pessoas vencedoras das fracassadas? Certamente, a resposta não é tão fácil, até porque tudo na vida é relativo e cada pessoa possui formas diferentes de encarar sucesso e fracasso. Como sempre frisamos, tudo depende dos objetivos de cada um.

Cada indivíduo busca, à sua maneira e ao seu tempo, uma definição pessoal de sucesso, e se existe algo que aprendi ao longo da minha vida é que o sucesso não surge ou aparece do nada; ele é construído com muito trabalho e senso de oportunidade.

Na última semana, tive a oportunidade de conversar com meu amigo André Macedo, CEO da Zeropaper, startup que oferece aos pequenos e médios empreendedores uma ferramenta extremamente funcional e com versão gratuita, que recentemente foi comprada pela gigante de software mundial Intuit.

Falamos sobre os planos de crescimento da empresa a partir da aquisição e também sobre o sucesso, durante a conversa André me confidenciou que a fórmula para o sucesso é se preparar para ele:

“Nós passamos por um processo de aceleração extremamente importante ao lado da 21212, lá aprendemos que era fundamental desde o início preparar e administrar a empresa da maneira mais profissional possível. Desde sempre trabalhamos com funcionários registrados, pagamos todos os direitos e benefícios, criamos regras e obedecemos as melhores práticas de governança corporativa”

Fica claro que a empresa e seus colaboradores deste exemplo se prepararam para o sucesso, criando pontes firmes e que facilitaram ao longo dos anos o interesse de investidores. O resultado foi a aquisição da empresa, um dos objetivos de seus fundadores para dar escala ao negócio.

Histórias de sucesso

Existem diversas passagens da história que mostram personalidades que conseguiram encontrar o sucesso em diversos momentos da vida. Quem por exemplo não se recorda da volta por cima de Steve Jobs, que ao reassumir a Apple transformou não só a empresa em uma das maiores empresas de valor de mercado do mundo, mas também revolucionou as indústrias da informática (Macbooks, Tablets, etc), da música (com os iPods), do cinema (a partir da compra da Pyxar e lançamentos de filmes como Toy Stoty) e de telefonia (com iPhones).

A perseverança também é um detalhe importante na história de sucesso das pessoas. Uma das escritoras mais bem sucedidas da atualidade, J.K. Rowling, passava por grandes dificuldades quando começou a escrever uma das histórias contemporâneas mais bem-sucedidas. Harry Potter nasceu como uma maneira da autora passar o tempo enquanto passava por uma depressão e dificuldades financeiras.

Quando finalizou o primeiro livro, “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, a autora foi recusado por oito editoras antes de conseguir publicar o livro. Atualmente, a obra possui mais de 120 milhões de cópias comercializadas. Rowling se tornou a mulher mais rica da história da literatura, vendendo ao longo da saga mais de 1 bilhão de exemplares.

Lidando com poucos recursos

De acordo com Biz Stone, um dos fundadores do Twitter, a limitação de tempo e recursos é uma das maneiras mais eficazes de estimular a criatividade. Acredito que ele tem razão, afinal estamos diante de inúmeros casos de personalidades que conseguiram criar oportunidades atravessando situações delicadas, onde nem tempo e dinheiro estavam disponíveis.

A arte de fazer do limão uma limonada é algo relativamente comum aqui no Brasil, onde maioria das pessoas enfrenta uma série de dificuldades em busca do sucesso, seja sendo dono do próprio negócio ou não.

Fazendo a lição de casa

O importante é buscar alternativas sempre, sem medo de mergulhar de cabeça quando surgirem oportunidades e o coração bater mais forte, mostrando que existe um caminho que vale a pena ser trilhado. Percalços irão aparecer no meio do caminho, mas fazendo a lição de casa e se preparando para todas as possibilidades tudo ficará mais fácil, mesmo nos momentos mais difíceis.

No artigo 3 Lições para Alcançar o Sucesso Financeiro, tive a oportunidade de apresentar alguns pensamentos sobre sucesso e percebi que a lição fundamental está associada ao nosso comportamento: não adiantar querer algo da vida e não agir de forma contundente em prol desse objetivo.

Conclusão

Sucesso é um estado de espírito! Ele é provavelmente identificado pelos outros e nunca por quem de fato conseguiu chegar lá. Talvez, se não fosse dessa forma, muitos dos que hoje são considerados exemplos do sucesso teriam parado quando conseguiram os primeiros bons resultados. Quem corre atrás do sucesso faz isso a vida toda, e uma tacada genial muitas vezes é seguida de muitas dificuldades (ou vice-versa).

Só consegue prosperar e se manter no topo aqueles que não se abalam pelo sucesso e agem de maneira sempre natural e determinada. Parece óbvio, mas não é! Pense nisso! Até a próxima!

Foto: Successful businessman, Shutterstock.

Ricardo Pereira
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários