Home Empresas Xpeng: tarifas dos EUA sobre elétricos chineses são prejudiciais

Xpeng: tarifas dos EUA sobre elétricos chineses são prejudiciais

A fabricante de veículos elétricos Xpeng disse nesta sexta-feira que as novas tarifas de importações dos EUA sobre veículos elétricos são prejudiciais

por Reuters
0 comentário

A fabricante chinesa de veículos elétricos Xpeng disse nesta sexta-feira que as novas tarifas de importações dos Estados Unidos sobre veículos elétricos chineses são prejudiciais para os esforços do país em alcançar neutralidade de carbono.

“Isso resultará em custos mais altos”, disse o copresidente da Xpeng, Brian Gu, a jornalistas em Hong Kong, onde a empresa lançou dois carros elétricos.

“Isso não tem impacto sobre a Xpeng Motors no momento, mas para um mercado tão grande como um todo, espero que no futuro ele possa se tornar mais aberto, permitindo que produtos globais entrem e concorram.”

Atualmente, há relativamente poucos veículos leves fabricados na China sendo importados para os Estados Unidos.

Em Hong Kong, a Xpeng se associou à Sime Darby Motors, da Malásia, para vender um utilitário esportivo elétrico, o G6, e o carro-chefe de sete lugares da montadora, o X9, em estratégia do grupo chinês para se expandir para além do superlotado mercado de automóveis da China continental.

Uma guerra de preços acirrada e a desaceleração da demanda na China estão prejudicando as montadoras chinesas, que estão procurando amortecer o golpe aumentando a expansão no exterior.

Outros fabricantes chineses de veículos elétricos já presentes em Hong Kong incluem BYD e Great Wall Motor.

A expansão das marcas chinesas no exterior é ofuscada pela investigação antissubsídios lançada pela UE sobre carros elétricos importados da China, bem como pelos aumentos de tarifas  de importação dos EUA anunciados no início desta semana.

“Qual é a flexibilidade ou espaço para margens que podemos ter para atender às mudanças nas tarifas em outros regimes?”, disse Gu, acrescentando que a Xpeng ainda avalia o nível de tarifas da UE que fará com que a empresa mude a produção para o exterior.

A XPeng já vende carros elétricos na Holanda, Noruega e Alemanha e disse que planeja entrar em outros mercados europeus, incluindo Itália e Reino Unido. A empresa disse no início desta semana que estava entrando no mercado francês, apesar das tarifas iminentes.

Destacando a concorrência acirrada na China, a Nio lançou na quarta-feira o primeiro veículo de sua nova marca de preços mais baixos, Onvo, que tem como objetivo competir com o Model Y da Tesla.

A Xpeng, apoiada pela Volkswagen, espera que o próximo carro elétrico da marca Mona seja o primeiro na China com preço abaixo de 21 mil dólares a ter recursos de condução autônoma de alto nível.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.