Yahoo! compra Tumblr por US$ 1,1 bilhãoO Yahoo! oficializou no início da semana a compra da popular plataforma de blogging Tumblr por US$ 1,1 bilhão. O investimento no serviço entra para a lista de estratégias de aquisições liderada por Marissa Mayer, presidente do Yahoo! desde julho passado.

Segundo nota da empresa, o Tumblr será operado de forma independente, como uma empresa separada. Informou também que “substancialmente todo” o valor da negociação será pago em dinheiro. Com o caixa cheio, o diretor-executivo do Tumblr, David Karp, permanece como presidente-executivo da empresa.

Dessa maneira os produtos, serviços e marcas continuarão a ser definidos e desenvolvidos de forma separada. “O Tumblr está redefinindo a expressão criativa online”, informou a presidente-executiva do Yahoo!, em comunicado. “Em muitos sentidos, Tumblr e Yahoo! não poderiam ser mais diferentes e, ao mesmo tempo, não poderiam ser mais complementares”, disse Mayer.

Por que o Tumblr?

O Tumblr foi criado em fevereiro de 2007 e atualmente conta com os esforços de 175 funcionários para manter a plataforma em operação. Ele está disponível em 12 idiomas, tem 107,9 milhões de blogs cadastrados e 50,7 bilhões de postagens.

Quatro anos após sua criação, a empresa sediada em Nova York havia sido avaliada por investidores em US$ 800 milhões.

Os números já são capazes de nos fazer entender por que Mayer se interessou pelo serviço desenvolvido por Karp e companhia. Entretanto, a líder do Yahoo! fez questão de afirmar que o público do site pode crescer em 50%, para mais de 1 bilhão de visitantes mensais, além de poder aumentar o tráfego geral em 20%.

“Em termos de trabalho conjunto, o Tumblr pode implantar a tecnologia de personalização do Yahoo! e sua infraestrutura de pesquisas para ajudar seus usuários a descobrir criadores, blogueiros e conteúdo”, explicou. “Por sua vez, o Tumblr traz 50 bilhões de posts (e 75 milhões a mais chegando a cada dia) para a rede de mídia do Yahoo!.”

Reação dos usuários

Como bem mostrou Giovana Penatti, no Tecnoblog, a reação dos usuários do Tumblr não foi das melhores. A tag #yahoo buying tumblr mostra diversos gifs de tristeza e decepção – ainda há quem diga que vai desativar seu blog na plataforma.

Para piorar, Matt Mullenweg, fundador do WordPress, divulgou que 72 mil posts foram importados do Tumblr em apenas uma hora no último domingo (19), sendo que o normal fica entre 400 e 600.

Mayer tranquilizou os fãs do serviço através de seu blog recém-criado: “Nós prometemos não estragar tudo”.

As aquisições do Yahoo!

Desde que assumiu a liderança da empresa, Marissa Mayer deixou claro que sua principal estratégia de gestão é aquisições. Já foram onze aquisições até agora, mais do que a empresa realizou nos três anos antes da chegada da executiva.

Entre estes investimentos, nove eram startups que haviam desenvolvido algum tipo de aplicativo para celulares. Isso também mostra possíveis passos estratégicos que o gigante Yahoo! tomará num futuro próximo: crescimento nos dispositivos móveis.

As aquisições lideradas pela executiva foram as seguintes.

  • Stamped: startup de Nova York que criou um aplicativo para iPhone que permite compartilhar preferências, como restaurantes, filmes, livros e até aplicativos.
  • OnTheAir: empresa de cinco funcionários que oferecia serviços de bate-papo com vídeo em tempo real.
  • Summly: startup fundada por um adolescente de 15 anos, criou aplicativo que possibilita pesquisar notícias na web e agrega os textos em tópicos para facilitar a leitura no celular.
  • Jybe: mais uma empresa de app, cujo objetivo é conectar pessoas de acordo com suas recomendações sobre filmes, livros etc.
  • Loki Studios: desenvolvedora de jogos para celulares smartphones.
  • Astrid: autora de um aplicativo que permite a criação de uma lista de tarefas organizadas em forma de rede social, capaz de ser compartilhada.
  • GoPollGo: plataforma de medição de opinião pública na internet para marcas e empresas – ESPN e Netflix já são alguns clientes.
  • MileWise: criador de um aplicativo completo para quem quer organizar uma viagem.
  • Alike: aplicativo que localiza restaurantes, bares e cafés e mostra as resenhas de cada estabelecimento.
  • Snip.it: permite aos usuários armazenar vídeos, imagens e artigos encontrados na internet.

Uma extensa lista de aquisições para menos de um ano de comando.

Como você vê essa estratégia de aquisições que Marissa Mayer tem mostrado ser a favor? O Yahoo! voltará a ter a mesma força que o fez famoso antigamente?

Deixe sua opinião nos comentários.

Fontes: Olhar Digital | G1 | EXAME. Foto divulgação / Wired.

Willian Binder
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários