Home Economia e Política Biden se reúne com líderes do Congresso para impedir paralisação do governo

Biden se reúne com líderes do Congresso para impedir paralisação do governo

O pacote de gastos do governo é separado do projeto de lei de ajuda à segurança nacional que inclui financiamento para Ucrânia e Israel, mas Biden defenderá ambos

por Reuters
0 comentário
Joe Biden

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, vai se reunir com os principais líderes do Congresso nesta terça-feira, em uma tentativa de evitar uma paralisação parcial do governo que pode começar em apenas quatro dias e para pedir aos parlamentares que aprovem um pacote de ajuda para Ucrânia e Israel.

A reunião na Casa Branca acontece quase dois meses depois que o presidente da Câmara dos Deputados, o republicano Mike Johnson, e o líder da maioria no Senado, o democrata Chuck Schumer, concordaram com um nível de gastos discricionários de 1,59 trilhão de dólares para o ano fiscal que começou em 1º de outubro.

Apesar desse acordo, o Congresso não conseguiu cumprir seu dever básico de financiar o governo, em grande parte devido às brigas internas dos republicanos, que controlam a Câmara por uma pequena margem.

“Uma prioridade ou dever básico e fundamental do Congresso é manter o governo aberto”, disse a porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, aos repórteres na segunda-feira. “Portanto, é isso que o presidente deseja ver. Ele terá essas conversas.”

O projeto de lei de gastos está sendo retido pelas exigências dos republicanos conservadores da Câmara, que querem ver cortes de despesas e motivações ideológicas na forma como o dinheiro é gasto. Um grupo de republicanos radicais levou o governo à beira de uma paralisação três vezes nos últimos seis meses.

Schumer e Johnson trocaram acusações nos últimos dias sobre quem é o culpado pelo impasse. Na segunda-feira, Schumer disse aos repórteres que “os democratas estão fazendo tudo o que podem para evitar uma paralisação”.

O primeiro lote de financiamento do governo, que inclui dinheiro para agências que supervisionam a agricultura e o transporte, vai expirar na sexta-feira à meia-noite, enquanto o financiamento para outras agências, incluindo o Pentágono e o Departamento de Estado, terminará em 8 de março.

O pacote de gastos do governo é separado do projeto de lei de ajuda à segurança nacional que inclui financiamento para Ucrânia e Israel, mas Biden defenderá ambos.

A Câmara está sob pressão para aprovar o pacote de segurança nacional de 95 bilhões de dólares que reforça a ajuda para Ucrânia, Israel e o Indo-Pacífico. A legislação foi aprovada pelo Senado de forma bipartidária em uma votação de 70 a 29 neste mês, mas Johnson tem resistido a apresentar o projeto para votação na Câmara.

A Casa Branca tem aumentado a pressão pública sobre Johnson nas últimas semanas, à medida que a Ucrânia marcou o segundo aniversário da invasão russa.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.