Home Agronegócio Lula critica BC, mas congela juro para agricultores e corta programa

Lula critica BC, mas congela juro para agricultores e corta programa

Ao todo, o governo anunciou que o Plano Safra empresarial terá 400,59 bilhões de reais para financiamentos

por Reuters
3 min leitura
Agronegócio 9
(Imagem: Freepik/ @ aleksandarlittlewolf)

Os agricultores médios enquadrados dentro do Pronamp terão 65,23 bilhões de reais em recursos com juros controlados no Plano Safra 2024/25, um aumento de 6,7% na comparação com o montante ofertado no programa do ciclo anterior (61,14 bilhões de reais), de acordo com comunicado do Ministério da Agricultura publicado nesta quarta-feira.

A alta no montante de juros controlados que incluem subsídios do Tesouro para os produtores médios é inferior ao volume total de recursos que será ofertado no plano, segundo os dados apresentados.

Ao todo, o governo anunciou que o Plano Safra empresarial terá 400,59 bilhões de reais para financiamentos, alta de 10% na comparação com programa da temporada passada.

Segundo o ministério, o montante total de recursos a juros controlados será de 123,86 bilhões de reais, queda de 1% na comparação com o volume da temporada passada, à medida que o governo lida com um ajuste fiscal.

O ministério informou ainda que as taxas de juros para financiamento de custeio e comercialização dentro Plano Safra 2024/25 do Brasil foram estabelecidas em 8% ano para os médios produtores (Pronamp).

Ainda segundo o comunicado, os financiamentos de investimentos terão taxas de juros que variam entre 7% ao ano e 12%, de acordo com cada programa.

O governo confirmou em comunicado o volume de recursos divulgado mais cedo pelo ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, apontando 400,59 bilhões de reais.

Dos 400,59 bilhões de reais em crédito para a agricultura empresarial, 293,29 bilhões de reais (+8%) será para custeio e comercialização e 107,3 bilhões de reais (+16,5%) para investimentos.

Veja o documento:

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.