Home Economia e Pol√≠tica Marcos do Val: democracia virou ‘regime de censura implac√°vel’

Marcos do Val: democracia virou ‘regime de censura implac√°vel’

Em junho de 2023, o magistrado determinou o bloqueio das redes sociais do parlamentar. As contas do senador foram reativadas 11 meses depois

por Agência Senado
0 coment√°rio

O senador Marcos do Val (Podemos-ES) disse nesta quarta-feira (26) que a democracia no Brasil ‚Äúfoi derrubada e substitu√≠da por um regime de censura implac√°vel‚ÄĚ.

Durante pronunciamento em sessão do Plenário, o parlamentar criticou o Programa de Combate à Desinformação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Para ele, o projeto concentra em um √ļnico ministro da Corte ‚Äúo poder de controlar todas as redes sociais‚ÄĚ.

Esse ministro tem a autoridade de decidir, unilateralmente e sem qualquer supervis√£o externa, quem pode e quem n√£o pode se expressar nas plataformas digitais, e isso inclui parlamentares.

Até então, a Constituição nos dava a garantia de não sermos penalizados por palavras, votos e tudo o mais. Mas, cadê?

Hoje esqueceram. Esse livro da democracia, eu acho que virou rascunho ‚ÄĒ afirmou, por meio de videoconfer√™ncia.

Marcos do Val criticou especificamente a atuação do ministro do STF Alexandre de Moraes.

Em junho de 2023, o magistrado determinou o bloqueio das redes sociais do parlamentar. As contas do senador foram reativadas 11 meses depois, em maio deste ano.

Um senador da Rep√ļblica, por decis√£o monocr√°tica, sem passar por Conselho de √Čtica, teve as redes sociais retiradas do ar. Se √© capaz de fazer isso com um senador, o que dir√° com a sociedade?

Minha p√°gina sofreu uma redu√ß√£o dr√°stica no n√ļmero de seguidores e no engajamento.

√Č impressionante, gente! Quando eu fazia uma live, dava em torno de 4 mil a 6 mil pessoas assistindo √† live.

Sabe quanto √© que est√° dando em m√©dia agora? Duzentas pessoas. √Č incr√≠vel! ‚ÄĒ lamentou.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.