Home Agronegócio Milho e soja recuperam valor após mínimas em três anos

Milho e soja recuperam valor após mínimas em três anos

O contrato do milho com vencimento mais próximo na CBOT se recuperou e encerrou acima de 4 dólares o bushel

por Reuters
0 comentário
(Imagem: Reprodução/Freepik/@kwangmoop)

Os futuros do milho e da soja na bolsa de Chicago se recuperaram com a cobertura de posições vendidas nesta segunda-feira, após fornecimentos abundantes terem anteriormente derrubado os contratos de vencimentos próximos para seus níveis mais baixos em mais de três anos, disseram os operadores.

O contrato do milho com vencimento mais próximo na CBOT se recuperou e encerrou acima de 4 dólares o bushel, um nível de referência que o mercado rompeu na sexta-feira pela primeira vez desde novembro de 2020.

O contrato já caiu cerca de 14% este ano e está 37% inferior em relação há um ano, após safras recordes nos Estados Unidos e no Brasil.

Os agricultores dos EUA precisam lidar com os grandes estoques de milho da safra do ano passado e com a demanda limitada por ração dos produtores de gado, que reduziram o rebanho bovino do país ao seu menor nível em sete décadas.

Os EUA também enfrentam uma forte concorrência nas vendas globais de exportação de grãos e soja.

No entanto, o mercado de milho continua vulnerável a surtos de cobertura de posições vendidas por especuladores, disseram os analistas.

Os gestores de dinheiro aumentaram sua posição líquida vendida em futuros e opções da CBOT para um recorde de 340.732 contratos na semana encerrada em 20 de fevereiro.

(Imagem: Reprodução/REUTERS/Jorge Adorno)
(Imagem: Reprodução/REUTERS/Jorge Adorno)

“O pregão de hoje foi especulativo e técnico, com as posições vendidas de milho em um pico em quase uma semana atrás e os mercados externos de commodities sendo negociados em alta”, disse Terry Reilly, estrategista agrícola sênior da Marex.

O contrato março do milho na CBOT fechou em alta de 7,25 centavos, a 4,07 dólares o bushel, depois de cair para uma mínima contratual de 3,945 dólares.

O março da soja se recuperou de uma mínima contratual de 11,2475 dólares o bushel para encerrar com alta de 3 centavos, a 11,36 dólares.

O trigo também fechou em alta, com os futuros de março na CBOT subindo 3,75 centavos, para 5,7725 dólares o bushel.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.