Home Empresas Usiminas: Ativa vê perspectivas melhores e eleva recomendação e preço-alvo

Usiminas: Ativa vê perspectivas melhores e eleva recomendação e preço-alvo

Apesar do cenário desafiador no setor siderúrgico, marcado pela dificuldade em repassar preços e a concorrência com produtos importados, a empresa demonstra otimismo

por Redação Dinheirama
0 comentário
Siderúrgica

Após a  Usiminas (USIM5) apresentar um Ebitda negativo em siderurgia no terceiro trimestre de 2023, e uma contribuição levemente inferior do que era esperado em mineração, analistas revisitam os números e projetam cenários para o quarto trimestre.

No terceiro trimestre 2023, a empresa enfrentou desafios com um Ebitda negativo em siderurgia, cenário que se espera agravar no quarto trimestre 2023. Contudo, há expectativas de uma compensação parcial com a melhoria de preços em mineração.

A previsão de resultados mais negativos na siderurgia é mitigada pela perspectiva positiva relacionada à conclusão da reforma do Alto-Forno #3, o que deve resultar em melhorias nos custos operacionais.

Mudança de recomendação

Olhando para o futuro, espera-se que a geração de caixa da Usiminas apresente melhorias. Com base nessa projeção, os analistas decidiram elevar o preço-alvo das ações de R$ 7,00 para R$ 8,00 e ajustar a recomendação de venda para neutro.

Apesar do cenário desafiador no setor siderúrgico, marcado pela dificuldade em repassar preços e a concorrência com produtos importados, a empresa demonstra otimismo.

O ganho de eficiência proveniente da reforma do Alto-Forno principal, o impulso na mineração e a expectativa de uma melhora na geração de caixa são fatores que influenciaram a revisão de recomendação, considerando que riscos e virtudes estão, no momento, bem precificados no mercado.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.