Home Economia e Política Impactos da construção de parques de energia eólica nas comunidades serão tema de debate

Impactos da construção de parques de energia eólica nas comunidades serão tema de debate

Ao todo, existem 1.036 parques eólicos, com 930 concentrados só na região Nordeste

por Agência Câmara
0 comentário
A deputada explica que a energia eólica é a terceira maior fonte do País (11%) (Imagem: Reprodução/Vanderlei Tacchio/ Divulgação Eletrosul)

A Comissão de Direitos Humanos, Minorias e Igualdade Racial da Câmara dos Deputados debate na terça-feira (5) os impactos socioambientais da construção de parques de energia eólica nas comunidades. O debate foi solicitado pela deputada Talíria Petrone (Psol-RJ).

A deputada explica que a energia eólica é a terceira maior fonte do País (11%), atrás das usinas térmicas (12%) e hidrelétricas (57%), de acordo com dados do Ministério de Minas e Energia. Ao todo, existem 1.036 parques eólicos, com 930 concentrados só na região Nordeste. Ela destaca que existe uma ampla possibilidade de exploração da energia eólica na costa brasileira.

“No entanto, é essencial medir os impactos reais, não somente no ambiente marinho, mas também nas comunidades costeiras que tem na relação com o mar seu modo de vida, bem como a construção de instrumentos de regulação e fiscalização que permitam a avaliação se a instalação de parques de energia eólica representa de fato uma transição energética social e ambientalmente justa”, afirma.

Foram convidados, entre outros:
– o procurador federal dos Direitos do Cidadão do Ministério Público Federal, Carlos Vilhenas;
– a coordenadora do Movimento de Pescadoras e Pescadores do Brasil do Rio Grande do Sul, Viviane Machado Alves; e
– o representante da Associação de Homens e Mulheres do mar da Baía de Guanabara, Alexandre Ahomar.

  • Veja a lista completa de convidados

O debate será realizado às 14 horas, no plenário 9.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.