Você que acompanha o Dinheirama sabe que o prazo para entrega da Declaração de Imposto de Renda se encerra no dia 30/04/2015. Em 2015, são obrigados a fazer declaração de IR aqueles contribuintes que no ano de 2014 receberam rendimentos tributáveis (salário, aposentadoria, aluguéis e etc.) acima de R$ 26.816,55.

Para poder preencher a declaração, o contribuinte pode escolher a forma mais tradicional, que são os computadores, ou utilizar as versões do programa para smartphones ou tablets.

Para preencher e encaminhar a declaração pelo computador é necessário baixar o Programa Gerador da Declaração (PGD) (clique aqui para baixar) e para transmitir a declaração de IR para Receita Federal é necessário o Programa Receitanet (clique aqui para baixar).

Como declarar os investimentos?

A Órama, parceira de conteúdo do Dinheirama lançou recentemente uma página especial para abordar as principais dúvidas que os contribuintes possuem quanto a declaração dos investimentos.

Saiba como declarar investimentos os investimentos citados abaixo no Imposto de Renda:

  • Fundos de Investimento
  • Renda fixa
  • Renda variável
  • Previdência privada

Muitos também possuem dúvidas quanto a melhor forma de fazer a declaração, já que existe a forma simples ou completa. Veja, o que diz sobre o tema a Sandra Blanco, Assessora de Investimentos da Órama:

“A melhor forma de saber se você deve fazer a declaração simples ou completa, em conjunto ou separado, se deve inserir ou não dependentes, é simulando cada opção. Só assim você saberá qual delas é mais vantajosa para o seu bolso. Além disso, vale a pena guardar os documentos utilizados na sua declaração por cinco anos, pois durante este período você pode receber notificações para prestar contas”.

Assista a um vídeo especial gravado pela Sandra, onde ela explica maiores detalhes sobre a página especial sobre Imposto de Renda.

Acesse a página Especial de Imposto de Renda

Acesse agora mesmo a página especial de Imposto de Renda e tenha acesso as dúvidas mais comuns que os investidores possuem. Você saberá de fato quem precisa declarar, quais os documentos necessários e claro, como declarar seus investimentos.

A internet é uma grande rede de compartilhamento, aproveite seu tempo e use suas redes sociais para compartilhar os conhecimentos, muita gente possui dúvidas simples sobre imposto de renda e você pode ajudar repassando informações importantes. Até a próxima!

Nota: Esta coluna é mantida pela Órama, que contribui para que os leitores do Dinheirama tenham acesso a conteúdo gratuito de qualidade.

Foto: Businessman, Shutterstock

Parceiro de Conteúdo
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários