Home Empresas Nvidia bate Microsoft e Apple e se torna a empresa mais valiosa do mundo

Nvidia bate Microsoft e Apple e se torna a empresa mais valiosa do mundo

A empresa também foi a responsável por impulsionar os índices S&P 500 e o Nasdaq para níveis recordes nesta terça-feira

por Gustavo Kahil
3 min leitura

A Nvidia (NVDA; NVDC34) ultrapassou a Microsoft (MSFT; MSFT34) e se tornou a empresa mais valiosa do mundo nesta terça-feira (18), encerrando o dia com uma capitalização de mercado de US$ 3,22 trilhões.

A empresa que fabrica chips com o foco na tecnologia de inteligência artificial (IA), que no último dia 5 já havia se tornado a segunda empresa mais valiosa do mundo ao superar a Apple (APPL; AAPL34), também foi a responsável por impulsionar os índices S&P 500 e o Nasdaq para níveis recordes.

A Nvidia, que tem sido uma das maiores beneficiárias do “boom” da IA, apurou um salto de cinco vezes na receita em seu segmento de data center no trimestre encerrado em abril de 2024, enquanto clientes faziam fila para comprar seus chips de alto desempenho.

Nvidia: lucros explodem

A receita do primeiro trimestre fiscal de 2025 subiu 262% ano a ano, para US$ 26,04 bilhões, superando estimativas de US$ 24,65 bilhões. O lucro líquido disparou 628%, para US$ 14,88 bilhões.

As vendas no segmento de data center, o maior em receita, cresceram 427%, para US$ 22,6 bilhões no trimestre encerrado em 28 de abril, acima das estimativas.

A empresa, sediada em Santa Clara, na Califórnia, ainda projetou uma receita para o segundo trimestre acima das estimativas, e, US$ 28 bilhões, além de anunciar um desdobramento de ações na proporção de dez para um, o que impressionou investidores, que já triplicaram o valor de mercado da fabricante de chips no último ano com o otimismo em relação à inteligência artificial.

(Com Reuters)

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.